Namorar em la filme

Portanto, creio que sair em grupos, ou namorar em público, é importante, e vemos isto na Bíblia. Em Cantares, nota-se um crescente desejo de ter intimidade física, e ainda assim ela descreve seu encontro como sendo sob vigas de cedro e caibros de cipreste (Cantares 1:16–17). Eles estão fora de casa. Estão num parque. Estão numa floresta. Namorar, é sonhar é ir de encontro as estrelas, é ver o sol nascer, o sol se por, a noite chegar, o vento frio no rosto, nas madrugadas de inverno. renatabianca [email_address] 12. É tomar chocolate quente, tomar coca-cola gelada, é unir os lábios, e sentir o desejo namorar é ver o luar, contar as estrelas namorar ahhhh nada melhor que ... Ela não precisa daqueles encontros extravagantes em bares sofisticados e restaurantes caros. A maioria dos introvertidos tende a ficar em casa e viver sua própria vida lá, você pode simplesmente acompanhá-la em casa e escolher um bom filme se ela realmente não quiser sair para algum lugar, isso é natural para ela. O filme falava sobre dois melhores amigos que em um momento da vida se amaram, ele a amava e ela também porém ela não sabia se era amor de verdade, ela passou 9 anos o amando em segredo. Eu não consegui pegar o começo do filme, porém, peguei a maior parte dele. O filme é entrelaçado com flashbacks que detalham Kate e estreita relação de Anna, bem como a forma como a doença de Kate tem afetado seus irmãos, incluindo o seu irmão, Jesse (Evan Ellingson). Em um flashback, Kate encontra um paciente companheiro câncer, Taylor Ambrose ( Thomas Dekker), a quem ela começa a namorar. Ele pede a ela ... Em entrevista à Sabrina Sato, em seu canal de YouTube, Angélica revelou que namorava outro quando deu primeiro beijo em Huck. 'A primeira vez que a gente se beijou foi bem antes da gente namorar. Você vai ter de reaprender a paquerar, pensar em novos papos e criar outros xavecos. Twitter: @trixtiane E deve estar tudo tão diferente da época que você começou a namorar pela primeira vez... Julia não ficou feliz depois de namorar uma longa lista de celebridades e, aparentemente, decidiu tentar a sorte com um de suas fãs que trabalhava como cinegrafista em um filme que ela trabalhou em 2000. Então, eles decidiram se casar. E então veio a surpresa. Uma pessoa, que estava em último, veio me defender. Eu não sei quem era, nunca vi na minha vida, e pela voz parecia ter uns 12 anos. E sempre que o cara ficava falando merda não só pra mim, mas pro time em geral, ele ficava criticando o cara. Namorar é ter ao seu lado alguém que te conhece tão bem que já sabe se você está com algum problema só pelo tom da sua voz. É ter a pessoa que você ama, a pessoa que você deseja e seu melhor amigo, todas em uma só. É sentir que tem um porto seguro, mesmo quando parece que o mundo vai desabar sobre a sua cabeça.

😳👉🏻👈🏻

2020.09.10 23:51 Helamaa 😳👉🏻👈🏻

a carência tá imoral e eu tô procurando uma namoradinha, se vcs conhecerem alguma mina que tenha esses requisitos, me avisem redpillada channer, dogoleira, wgtow, ancap, , jogadora de poker, bv, virgem, sem amigos, crente, fã da UDR,magrela, footlet,escuta Chico Buarque, weeabo, hikkimori, otaku, gameri, hetero,federal,trader de bitcoin,hacker, defacer, cubista, penspinner, recordista de memorização de baralhos, timida, mãe de pet, hidratada, não consumidora de açucar, saudável, youtuber, netolover, pooper, cambista, shitposter, anarquista, materialista, roquista, travesquista, mono talon vlogger, blogueira, e-girl, intolerante a lactose, intolerante a gluten, grinder e hipnóloga, fiel, niilista existencialista, metaleira, headbanguer, pelo no suvaco, patriota, masoquista, ballbuster, jogadora de minecraft, buceta fedida, que não tenha medo de chuta minhas bolas pelo amor de deus eu nao consigo encontrar uma menina pra chutar minhas bolas por favor deus eu imploro nao agusnto mais isso nao eh um meme porque voces tem medo de me chutar no saco. Raça: nórdica Altura: 170cm+ Pele: 1 ou 2 (Fitzpatrick) Olhos: 7+ (Martin) Cabelos: qualquer cor, mas apenas lisos ou ondulados (FIA) Nariz: reto ou virado para cima Crânio: dolico ou mesocefálico Óculos: não Aparelhos: não Queixo furado: não Covinhas: não Orelha presa: não Orelha de abano: não Franja em V: não Pelos no corpo: muito pouco Tatuagem: não Graduação: apenas cursos voltados à pesquisa Faculdade: apenas bem conceituadas Habilidades matemáticas: sim Idiomas: fluência em inglês e mais outro idioma Álcool, cigarro, drogas: não, nenhum Personalidade: introversão Cultura: europeia ocidental RELIGIÃO: Cristã Ortodoxa Gostar de escutar rogério skylab:
Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab. O humor é extremamente sutil e, sem uma compreensão sólida de filosofia moderna, a maioria das piadas vai passar despercebida pelo telespectador médio. Há também a visão niilista de Rogério, que está habilmente tecida em sua caracterização - sua filosofia pessoal se baseia fortemente na literatura de Nododaya Volya, por exemplo. Os fãs entendem essas coisas; eles têm a capacidade intelectual para realmente apreciar a profundidade dessas piadas, para perceber que elas não são apenas engraçadas - elas dizem algo profundo sobre a VIDA. Como conseqüência, as pessoas que não gostam de Rogério Skylab são verdadeiros idiotas - é claro que eles não apreciariam, por exemplo, o humor no bordão existencial de Rogério "Chico Xavier é viado e Roberto Carlos tem perna de pau", que é uma referência criptíca para o épico Pais e Filhos do russo Turgenev. Estou sorrindo agora mesmo imaginando um desses coitados simplistas coçando a cabeça em confusão enquanto as músicas se desenrolam na tela de seu computador. Que tolos… como eu tenho pena deles. E sim, a propósito, eu tenho uma tatuagem do Rogério Skylab. E não, você não pode vê-la. É só para os olhos das damas. E mesmo elas, precisam demonstrar de antemão que possuem um QI com diferença absoluta de no máximo 5 pontos do meu (de preferência para baixo).
Rotina, Habitos e interesses: Nofap + Banho Gelado + comer carne crua + comer virado pra parede + biohack + dormir no chão + Jordan Peterson + mewing + HBD + PUA + jelq + dormir 5 horas por dia + café gelado sem açúcar + hipismo + compilação mitadas Enéas + alho cru + podcast do Joe Rogan + redpill + Brain Force + Jejum + meditação iasd + músicas para concentração, foco e inteligência + teste de QI da internet + grupos de linhagem viking do facebook + ficar longe do poste de internet 4G + youtube do varg vikernes + essência de morango da turma da mônica no narguilé + jogar vape na cara de todo mundo que tentar entrar no bloco da faculdade + 5 segundos de calistenia no deserto do atacama + darkcel + óculos do aécio na foto de perfil + ler quotes do nietzsche no brainy quote + criar galinha no quarto sem os pais saberem + Alho cru + uma colher de azeite quando acorda e outra antes de dormir + jejum de 24hrs a cada 72hrs + assistir VT no premiere logo que chega do estádio + canal Ultras World + LibreFighting + Operation Werewolf + comprar os artigos do Paul Waggener + Centhurion METHOD + humilliation exposure com a finalidade de criar uma crosta na sua mente capaz de desenvolver uma resiliência que resiste à humilhação como se ela fosse nada + tomar banho descalço em chuveiro de academia com chão mijado + musculação caseira + hackear o sono + Empreender + 10 livros de auto ajuda por mês + PUA + Selo super fã da fúria e tradição + Biokinesis + 432hz music + Mexer o pau sem piscar o cú + meditação transcendental + veganismo + minoxidil para cultivar uma barba + filmografia Jason Stataham + assistir vikings + redpill + ir no cinema sozinho + treino saitama + coach quântico + enema de café + dieta lair ribeiro + agua alcalina + O Método de Wim Hof + sabedoria hiperbórea + artigos da Nova Resistência + Biblioteca do Dídimo Matos + dormir virado pra patede assoviando no escuro pra espantar o curupira + dar 3 pulinhos toda vez que levantar da cama + dizer amém quando um 1113 azul passar por você na rua + 100 flexões por dia + 6 meses de jelq + injaculação guiada + sociedade thule + energia vril + chapéu de alumínio para se proteger das armas psicotronicas emitidas pela CIA + caderno de anotações smiliguido + pedir a bênção ao carteiro toda segunda de manhã + 3 horas de academia + 4 horas de corrida + mascar café + exercícios penianos do Dr. Rey + maratona saga Rocky + trilha sonora saga Rocky + trilogia Mercenários + filmes do Jason Statham + assoviar o hino do Palmeiras de ponta-cabeça + intro do Canal do Nicola em loop + palestras do Antonio Conte + vídeos do Rodrigo Baltar + dicas do Gustavo Gambit + aulas de italiano + dormir ouvindo Ultraje a Rigor + ler Walden pelado na mata atlântica de madrugada + ouvir músicas em velocidade aumentada + canto gregoriano árabe + ensinar hino do botafogo pra calopsita + fritar comida com banha de porco + assistir videos de situaçoes de risco com a finalidade de se preparar para o perigo + Terapia Holistica com formandos da UFPR no Jardim Botânico + Radiestesia para harmonizar vibração da casa + Metatron 432HZ no YouTube entoando a oração EU SOU + ler O Código da Vinci + Jesus Quântico + Barra Fixa na praça de madrugada escutando audiolivro do Jordan Peterson na voz do cara dos Fatos Desconhecidos + grupo POPEYE AFIANDO A PIKA + MyInstants AEEE KASINAO + Memes do Fausto Silva + ler O Evangelho dos Animais + stories do Copini no Instagram + Canal SocialGames7 com Gustavo Gambit e CIA + textos de Raphael Machado (Nova Resistência) + ser ex-membro do grupo Comunismo Ortodoxo + Monja Coen + Fazer origami com papel do bis + perder dinheiro com maquina de pegar ursinho + fumar palheiro com o avô + quebrar palito de dente no meio depois que usar + rezar Pai Nosso em aramaico + tentar se comunicar com o ashtar sheran + virar catequista e passar Plínio Salgado para as crianças + Limpeza de 21 dias de São Miguel Arcanjo + arrancar a fimose comendo cu apertado de galinha caipira + Regata branca WifeBeater com calça jeans clara e bota marrom + Ingressar na legiao estrangeira + Comprar toras de eucalipto pra reproduzir o centurion method mas nunca começar o treinamento + vender máquina de cartão de crédito + ler os escritos do Unabomber + Escutar a discografia do Paul Waggener + ler todos os livros do Pavel Tsatsouline + ouvir rap eslavo de cunho político suspeito + café com um cubo de manteiga dentro precedendo a primeira refeição do dia + beber 2L de leite por dia + Stronglifts 5x5 + Dieta Cetogênica + Canal Jason PROJETO GIGA + Cd do TRETA + comprar torre de chopp no prensadão + 2 cápsulas de Tadalafellas antes do sexo + só comprar comida japonesa importada pra dieta + comer arroz sem sal com peixe cru sem tempero enrolado em folha do fundo do mar + memes da página Dollynho Puritano + Deus Vult na capa do Facebook + acessar o dogolachan pelo computador da escola pra postar fanfic gay do Gilberto Barros + Trollar atendentes do mcdonalds no habbo hotel + ligar para o Motel Astúrias perguntar quando custa a bolacha Bauducco que aparece no site + Mandar entregar pizza na Rua dos Tamoios casa n°18 com portão vermelho + cosplay de russo no Omegle pedindo pra mostrarem a bunda + Dormir imaginando uma linha pra fazer viagem astral + recitar Homero pra mendigo + tomar antibiótico no café da manhã + Meditar imaginando o raio de luz violeta que representa a energia transmutadora + Workshop Reiki do Canal Luz da Serra MULHERES TERRAPLANISTAS RALEM.
Primeiro de tudo! Vai tomar no cu, MULHERES terraplanistas! Junto com todas que me contrariaram nos últimos meses falando "dur hur você não sabe nada de paleontologia, vai assistir seus desenhos filipinos e não encha o saco". TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! LERAM DIREITO? TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! A farsa ficou tão óbvia, que eles não tem mais como esconder que TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! Alguns mais penas, outros menos penas, MAS TODOS TEM. E aproveitando no mesmo vídeo, NÃO TEVE METEORO PORRA NENHUMA! Provavelmente as mudanças climáticas naturais, junto com a separação gradual dos continentes, é que extinguiu a mega-flora e a mega-fauna. E se teve algum meteoro, apenas acelerou o processo em uma região muito especifica. Agora só falta as ((especialistas)) e a (((Academia))) admitir que dinossauros nunca existiram e que foi tudo um erro grotesco de interpretação de pessoas que não sabiam que caralhos eram aqueles esqueletos. São apenas aves e mamíferos ancestrais de milhões de anos atrás. E antes que eu me esqueça, vai todo mundo que me contrariou tomar no cu!
GOSTAR DE MIM POR QUEM EU SOU E NAO PELA MINHA APARENCIA
Sério, de verdade, ser uma pessoa bonita não é fácil em nossa sociedade atual; não é só os olhares de desejo das mulheres e dos homens que me incomoda, e sim, o fato de ser só isso para as pessoas. Sou muito mais que apenas um cara bonito. Tenho qualidades além dessas, e saber que as pessoas não ligam para elas, pois estão entorpecidas de anseio pela minha formosura, me entristece muito.
Não suporto mais ser bonito. Tudo que eu queria era poder nascer de novo num corpo de uma pessoa feia, pois sério, vocês não sabem como me dói saber que por culpa de algo que nasceu em mim (a incrível beleza), serei rotulado eternamente por isso.
Eu trabalho, estudo, procuro, conheço, aprendo! Sou um ser-humano como qualquer outro e não só mais um rostinho bonito.
Pergunta antes de eu poder te namorar: Você é ocultista?
Essa é a pergunta de um milhão de dólares que raramente vejo sendo feita.
Se você ainda não for, pra se tornar minha namorada precisará ser e aqui está como fazer isso
É fato que a maior parte da literatura especializada ocidental acredita em Deus e Cristo, somente olhando-o por uma lente diferente. Não há um ritual que lhe aproxime de Deus, as coisas raramente são tão simples. Entretanto, com estudo e meditação o caminho começa a ficar mais claro.
Entenda que não sou nenhum senhor da verdade, e o que te falo hoje posso descobrir ser mentira amanhã. Saiba também que um dos maiores problemas desse meio é a falta de um início claro, sendo as obras tidas como introdutórias porcarias completas. Dito isso, lhe respondo o seguinte:
  1. O caminho mais completo para se aproximar do que você quer começa com noções do pensamento Helênico. Entenda que boa parte da visão de mundo cristã vem da antiguidade clássica, principalmente as noções de harmonia e belo. Não te peço para ler tudo o que já foi jogado ao chão pelos gregos, mas saiba um pouco das origens das coisas. Tenha uma ideia básica dos quatro humores gregos, e que essa é uma das origens para atribuirmos personalidades aos elementos da natureza. Entenda um pouco dos seus deuses e Cosmos, porque eles serão utilizados no futuro de forma metafórica em textos. Saiba que quando aparecer um hermafrodita em um texto especializado não há conexão com desvios modernos, mas com um simbolismo mais antigo (Salvo engano, sua origem é Platônica. Mais especificamente, O Banquete, durante os discursos sobre amor).
  2. Entenda que boa parte da origem da magia ocidental vem da confluência da cultura grega com a egípcia, incluindo a alquimia. A tábua esmeralda é um texto obrigatório. Leia um pouco sobre o Axioma de Maria, A judia. Aprenda um pouco da simbologia alquímica, porque será importante para você no futuro. É dentro da alquimia que irão discursar sem final sobre a trindade (pelo menos os da corrente de Paracelso). Não se pretenda nenhum mestre dos espagíricos, porque os químicos farão isso melhor do que você. Entenda que não havia essa separação absoluta entre o material e o espiritual, então os dois conhecimentos andaram juntos ao decorrer da história. Entenda também que haviam escritores voltados especificamente para a alquimia espiritual, enquanto outros à química.
  3. Estude a Cabala. Eu entendo que para alguns seja difícil dar atenção à Cabala Judaica com o surto conspiracionista chanístico sobre a índole de todo um povo, mas querendo ou não o judaísmo é o Pai da fé cristã, sendo Jesus judeu. Entenda que a árvore da vida é um estudo sobre Deus e suas emanações, e dela virá uma boa parte de seu conhecimento.
  4. Leia as coisas atuais sobre o assunto. Dê atenção aos escritores herméticos, principalmente.
Ocultismo é um saco, pelo menos se você for estudar seriamente. Você pode perder a vida se tiver um projeto ambicioso como se aproximar de Deus.
Você também pode pular algumas etapas no que te falei. Sobre a parte do pensamento grego, saiba que boa parte é "dispensável". Dito isso, recomento que entenda um pouco sobre o funcionamento do Cosmos de Ptolomeu. Entenda também alguns dos símbolos planetários, porque seu entendimento irá lhe ajudar no futuro.
Pra me namorar também tem que gostar dos animes:
Akame ga Kill! Akarui Sekai Keikaku Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Criminale! Dog Style Domina no Do! Eden no Ori Evangelion Fullmetal Alchemist K-on! Naruto Shingeki no Kyojin Yu-gi-oh
Sobre assistir Yu-gi-oh; quando eu era adolescente, gostava (na época que passou na TV Globinho e era moda), mas hoje em dia não gosto mais; então não assistiria de novo.
Quanto às minhas lembranças marcantes de Yu-gi-oh:
Em 2003, Yu-gi-oh era moda e todo mundo na escola da quinta e da sexta série jogava com cartinhas piratas, já o pessoal da sétima e da oitava não se interessava. A propósito, em 2003 tiveram duas grandes modas de brinquedos baseados em animes, cartinhas de Yu-gi-oh e Beyblade. Outro brinquedo que todo mundo da quinta e da sexta série levava pra escola em 2003 depois que passou a moda de Yu-gi-oh e começou a moda da Beyblade era a Beyblade.
Outra lembrança marcante que tenho de Yu-gi-oh é que em 2003 na escola o pessoal criava suas próprias cartinhas, fazendo desenhos e estatísticas.
Fujimura-kun Mates Gantz Gou-Dere Bishoujo Nagihara Sora♥️ Higurashi no Naku Koro ni Kai: Matsuribayashi-hen Hitsugi no Chaika Ichigo 100% Ichinensei ni Nacchattara In Bura!: Bishoujo Kyuuketsuki no Hazukashii Himitsu Jigokuren: Love in the Hell Jinzou Shoujo JoJo no Kimyou na Bouken Part 4: Diamond wa Kudakenai JoJo no Kimyou na Bouken Part 5: Ougon no Kaze JoJo no Kimyou na Bouken Part 6: Stone Ocean JoJo no Kimyou na Bouken Part 7: Steel Ball Run Kaibutsu Oujo Lucky☆Star Mahou no Iroha! Mahou Tsukai Kurohime Monster Hunter Orage Mujaki no Rakuen Needless Zero Nyotai-ka Onihime VS Oretama Perowan!: Hayakushinasai! Goshujinsama♪ Re:Marina Rosario to Vampire Saitama Chainsaw Shoujo Sankarea School Rumble Shingetsutan Tsukihime Shocking Pink! Shurabara! Sora no Otoshimono Sora no Otoshimono Pico Akame ga Kill! Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Dorohedoro Nekopara Pet Toaru Kagaku no Railgun Magia Record: Mahou Shoujo Madoka☆Magica Gaiden Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita.Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita. Isekai Quartet 2Isekai Quartet 2 Ishuzoku Reviewers Somali to Mori no Kamisama Eizouken ni wa Te wo Dasu na!Eizouken ni wa Te wo Dasu na! Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu.Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu. Jibaku Shounen Hanako-kun Haikyuu!!: To the TopHaikyuu!!: To the Top Darwin's GameDarwin's Game Kyokou SuiriKyokou Suiri Plunderer
PRE REQUISITO: GOSTAR DE FILMES DE FAROESTE.
IMPORTANTE: Se você gosta de filmes de super heroi, pare de ler e va se foder.
Se você é assim, fique longe de mim.
NÃO QUERO AS MULHERES QUE: As que falam palavrões As que fumam As que usam drogas As que postam foto com bebida Que bebem (menos 🍷, isso é coisa de dama) As que vão para balada, festa, rave etc As que postam foto com decote ou sensuais
Há uma coisa que eu quero que você entenda sobre nós os homens.
Quando você colocar uma foto sua nua no facebook, fazendo uma pose gostosa, mostrando os seios ou como vemos em várias fotos mostrando o bumbum ou deitada sedutoramente em sua cama, a única coisa que você faz é que as pessoas tenham desejo sexual por você, claro em A maioria dos casos por parte de homens.
Eu sei que você vai ficar tão emocionada com os 500 likes, 120 comentários e as inúmeras mensagens privadas! Você vai querer postar cada vez mais fotos para se sentir cada vez mais no topo.
Mas há algo importante que você precisa saber:
Na verdade nenhum desses caras que gostam, comentam ou enviam mensagens privadas te ama. Tudo o que eles querem é usá-la e depois atirá-la para o lixo, para ser honesto nenhum deles a levaria para sua casa para ser sua esposa, acredite em mim, você para eles não é mais que uma menina de programa em busca de popularidade barata No Facebook.
Os homens ricos os que tem o que você procura "dinheiro" ou os pobres admiram as mulheres que se vestem com decência e se respeitam. Uma vestimenta decente que não revela muito o seu corpo, leva-os a amar e a respeitar-te, isto a simples vista nos diz que és uma mulher virtuosa, alguém a quem se pode levar para casa para ser esposa e mãe.
Isto em muitos casos diz-lhes que você foi criada com princípios morais e lhes dá detalhes do seu bom histórico familiar.
Eles não se preocupam muito com a maquiagem excessiva, uma mulher digna de propor casamento sempre se distingue do monte, não importa como.
Valoriza seu corpo, lembre-se que para encontrar diamantes é preciso cavar, respeita, e um verdadeiro homem vai te respeitar de um modo ou de outro.
Mas você terá muito respeito: Mulher, não mostre seu corpo no facebook, você não sabe que tipo de pessoas, venha suas coisas, você é uma mulher bela, não precisa de fotos, nem mostrar tanto, você pode conquistar com sua simpatia, com seu educación con seu sonrrisa,
As que já ficaram com amigos seus, ou que ficam com mais de 3 em um único ano As que não trabalham ou estudam (ou que estão em um curso irrelevante de humanas) As que não sabem o básico de uma casa, como lavar, passar roupa, cozinhar, trocar fralda, etc As interesseiras As que estão pedindo presentes sempre As que já estão comprometidas As não gostam de crianças ou dizem que não querem ter filhos (pessoas que não querem ter filhos não são confiáveis) As que tem piercing de bufalo
submitted by Helamaa to smurfdomuca [link] [comments]


2020.08.26 13:37 julx22 Minha amiga quer ser mais que uma amiga...

Gente, bom dia...
Lá vai um texto gigante. Quem não quiser ler, pode ir para o final e pegar o resumão.
Embora muitos vão dizer que isso aqui é reclamar de barriga cheia, isso está me angustiando bastante... Eu tenho uma amiga. Uma BOA amiga com quem eu tenho bastante intimidade. Assistimos filmes grudados, nos abraçamos, trocamos carinho, palavras de conforto, deitamos na mesma cama, etc. E embora eu gostasse de tudo isso por si só, já que não sinto atração sexual nem por ela, nem por ninguém, deixei levar como uma amizade. E assim continuou até pouco tempo atrás.
Tenho percebido diversos sinais de que ela gosta de mim de outro jeito. Rolaram uns flertes aqui e ali, umas caras coradas, uns corações no texto e uns tweets descarados por parte dela que me deixaram todo sem jeito, pois pareciam muito direcionados a mim e sempre ocorriam depois de nossos encontros. Sempre algo do tipo: como certa pessoa me faz feliz e uns posts reclamando da friendzone. Muitos rapazes vão achar graça que sou um homem dando friendzone numa mulher, mas devo advertí-los que isso é algo bastante chato de se fazer e que me causa bastante angústia.
Meus amigos me recomendaram que eu me declarasse para ela, pedindo ela finalmente em namoro. Sim, o que eles dizem faz sentido: eu gosto dela, conheço ela, sei que ela gosta de mim e tenho quase certeza do 'sim'. Mas a questão é: se me sinto completamente satisfeito nessa amizade do jeito que ela está, por que é que eu arriscaria um namoro? Em time vencedor não se mexe! A resposta deles foi a seguinte: "Se ela não te tornar seu namorado, tornará outro cara. E nisso sua linda amizade vai desmoronar rapidamente.". Novamente concordo com a afirmação deles. Mas será que eu me declarar apenas por medo é uma resposta adequada? Não por amor, mas por medo de perder a pessoa!
Eles me dizem que um namoro seria mais interessante que uma amizade, mas eu discordo. Como amigos, somos próximos por escolha. Todos os dias que decidimos ficar juntos, é uma escolha consciente, não motivada por qualquer ator externo, fato social que nos indica que, já que somos namorados, TEMOS que ficar juntos aos fins de semana e TEMOS que nos mandar bom-dia e boa-noite, e TEMOS que sair pra comer alguma coisa de vez em quando, e TEMOS que fazer isso, aquilo e aquilo outro.
Nossa relação iria mudar muito, e para pior. Quando saíamos para comer, ninguém esperava que eu fosse lá buscar ela, que pagasse pela comida de ambos e que a levasse de volta à sua casa. Éramos apenas amigos! Por que é que eu assumiria essa responsabilidade? E por que eu? Estamos em pleno 2020, por que é que sou eu quem tenho que pagar a conta e dirigir? Embora alguns (algumas) de vocês digam que nem toda mulher faz questão disso, é claro que serei comparado com os ex-namorados dela. Sim, a grande maioria foi tóxica e ciumenta, mas eram cavalheiros e faziam tudo o que eu disse acima, de acordo com as expectativas da sociedade. Se eu falhar nisso, serei necessariamente julgado pela família dela, e no pior dos casos, por ela mesma. "Será que não valho o preço do lanche que como? Que minha companhia não vale o preço da corrida de uber?". Meu amor, é claro que vale! Mas e a minha? Se eu o fizesse tudo, me pareceria que só eu aprecio esta relação e nossos encontros, o que seria péssimo para a manutenção deste nosso relacionamento...
Estou bastante angustiado com essa situação. Estou entre a cruz e a espada. Vou resumir em situações:
1- Não me declaro. Continuamos como bons amigos por anos e anos, com esta relação não sendo afetada por namoros.
2- Não me declaro. Em pouco tempo ela arruma um namorado e me joga para escanteio, o que me chatearia bastante.
3- Me declaro. Aparentemente eu me enganei nos sinais que recebi, e ela não deseja nada mais que uma amizade platônica. Isso não afeta nossa amizade.
4- Me declaro. Aparentemente eu me enganei nos sinais que recebi, e ela não deseja nada mais que uma amizade platônica. Isso abala nossa amizade. Torna as coisas estranhas.
5- Me declaro. Começamos a namorar. As expectativas sociais perante ambos de nós e o pacto de exclusividade acaba nos tornando ciumentos e ranzinzas, o que destruirá nossa relação bastante rapidamente.
  1. Me declaro. Começamos a namorar. Sendo ela uma moça fora da caixa, ela de jeito nenhum espera de mim os papeis de gênero impostos ao homem e nosso namoro segue um curso tranquilo.
  2. Independente de como nosso namoro flui, descubro que me declarei erroneamente, pois não sentia nada além de medo de perdê-la, sem amor algum.
Resumão:
Tem uma menina que gosta de mim, mas eu não sei se estou disposto a começar a namorar com ela, pois acho que isto poderia estragar a amizade linda que a gente já tem. De certo modo podemos dizer que quero apenas continuar nesta amizade meio flertante e super íntima indefinidamente, embora saiba que isso é improvável de durar muito. Não estava a fim de ter um relacionamento padrão com ela, mas tenho medo de perdê-la para algum concorrente. E agora?
submitted by julx22 to desabafos [link] [comments]


2020.08.05 20:44 Next-Jackfruit-1918 Violação

Eu tenho 16 anos, fui pela primeira vez a sério ao ginecologista porque comecei a namorar, queria saber se estava tudo bem, tirar algumas dúvidas, pedir a pílula, coisas normais que se deve fazer. Eu queria escolher a ginecologista onde ia mas a minha mãe obrigou me a ir ao ginecologista dela, disse me sempre que ele era um excelente médico, que foi o médico que a acompanhou quando ela estava grávida de mim e quando eu nasci. Por isso não tive opção, tive de ir ao médico dela, fui a uma primeira consulta e já não me senti bem, não gostei dos olhares, não gostei de ser um médico homem, não gostei da forma que me examinou.....contei isso a minha mãe ela disse que eu estava a fazer filmes para chamar a atenção, e para poder escolher eu a médica que quisesse, não me deixou trocar e não fez nada...uma semana depois o médico ligou a minha mãe, disse que se esqueceu de fazer um exame importante, que eu tinha de la voltar, a minha mãe obrigou me a ir. Desta vez a consulta era no consultório dele, não era no hospital, quando eu cheguei ao consultório já achei tudo muito estranho, não estava lá mais ninguém, nem rececionista, nem pacientes, ninguém...quando entrei para a consulta, ele nem falou comigo, mandou me tirar a roupa toda e deitar na marquesa com as pernas nos suportes, fiquei aflita, não me sentia bem com isto, mas tive de o fazer, quando acabei de me deitar, apareceu um outro médico, tentei tapar me o máximo que consegui mas ele veio em direção a mim e amarrou as minhas mãos e colocou me um pano na boca, e o outro amarrou me os pés, o médico da minha mãe virou se para o outro e disse: “Vês! Eu disse te que está valia a pena! Está ainda está apertadinha”. Não consegui fazer nada, não me conseguia mexer, não conseguia gritar, eles violaram me, por quase uma hora...tiraram me o que eu tinha de mais valioso, a minha virgindade, a minha inocência...a vez violavam me tanto na minha vagina como na parte de trás, quando acabaram disseram me que se eu abrisse a boca ninguém ia acreditar, que eu era uma miúda e eles médicos conceituados, não havia testemunhas, e que a minha mãe o conhecia bem, que ela nunca ia acreditar na minha história, e que ainda por cima como a minha mão não ia acreditar ele continuaria a ser meu médico é que me ia violar as vezes que tivesse vontade, e que tinha muitos mais amigos com vontade de me conhecer. Ele tinha razão, ela já não tinha acreditado antes, não ia acreditar daquela vez, eu vesti-me sai de lá a correr e fiquei calada, não contei nada, tudo isto aconteceu ha 6 meses. 2 meses depois de tudo acontecer, eu descobri que estava grávida, nesse momento eu tinha de contar a verdade, a minha mãe não acreditou em mim, chamou me de vagabunda, puta, oferecida, e ainda foi falar com o meu namorado que também não acreditou em mim, e que acabou tudo comigo, chamou me de puta, traidora, porca, disse que foi bem feita por ir para a cama com outros enquanto não era capaz de ir para a cama com ele, a minha mãe não disse nada ao médico, e expulsou me de casa, no dia que me atirou tudo porta fora disse que se eu era crescida o bastante para abrir as pernas e deixar fazerem me filhos, então também era crescida o bastante para me virar sozinha. Que ela na cria uma prostituta em casa. Tentei ir a polícia, mas quando a polícia falou com a minha mãe ela disse lhes que era um disparate, que ela conhecia o médico há anos, que eu estava a inventar a história porque tinha traído o meu namorado e me tinha corrido mal, a única coisa que a polícia me disse foi que era muito feio mentir e fazê-los perder tempo, mas que desta vez não me acontecia nada. Nunca acreditaram em mim nem por um segundo, tentei que fizessem testes de adn, riram se na minha cara e disseram-me que se eu continuasse a insistir na história, ia presa por difamação,perturbação e falso testemunho. Não tive outra opção senão desistir. Tive de abandonar a escola, consegui um trabalho que mesmo em meio da pandemia consegui manter, faço entregas de uma mercearia. Não é fácil, não só porque não é o que sonhei para mim, mas também porque toda a gente me olha como se eu fosse uma prostituta. A dona da mercearia a muito custo me arranjou um lugar para ficar, vivo na garagem da mercearia, não tem luz, e água só do lado de fora, mas pelo menos tenho um teto coisa que não tive durante 2 meses. Ganho muito pouco e com um bebé a crescer na minha barriga e sem estudos mais ninguém me dá trabalho. Junto cada cêntimo para comprar o que posso para o meu bebé. Toda a minha família, as pessoas que se diziam minha amigas, toda a gente me abandonou, quando alguma delas me vê na rua, ri-se de mim, comenta para o lado e muda de lado da rua. Eu nunca menti, aqueles canalhas violaram me e engravidaram me, e não lhes vai acontecer nada, e o pior é que eu tenho a certeza que já o fizeram antes e que o vão continuar a fazer, mais e mais mulheres/jovens/crianças vão ser violadas por eles e provavelmente vai continuar a não acontecer lhes nada, enquanto eles vivem felizes as vidas miseráveis deles, eu vivo numa garagem sem luz, com água só do lado de fora, a ter de fazer as necessidades num balde, porque só ganho 250€ por mês e não tenho dinheiro para ir para outro lugar, mal tenho dinheiro para comer, e pouco que tenho uso para comprar tudo o que meu bebé vai precisar, sofro porque não sei como vai ser quando ele nascer, não sei se vou conseguir pagar o parto, não sei se mo vão tirar por falta de condições, não sei se me vão meter numa instituição porque vão perceber que não tenho ninguém, não sei se vou ter vida daqui a 16 semanas quando o meu bebé nascer. Eu suporto tudo o que for preciso, mas se me tiram o meu filho, se me tiram o meu bebé eu não aguento, se mo tiram a minha vida deixa de fazer sentido, se afastarem o meu bebé de mim eu vou vingar me dos filhos da puta dos médicos e a seguir eu mato me. Eu não vivo neste mundo nem o meu bebé.
submitted by Next-Jackfruit-1918 to u/Next-Jackfruit-1918 [link] [comments]


2020.08.05 00:45 DiegoROCCO Erros gramaticais comuns 1

Olá, estudantes da língua portuguesa! Neste artigo, falarei sobre alguns erros gramaticais bem comuns, cometidos, inclusive, por falantes nativos. Então, vamos lá!
1° erro: vocativo
Vocativo é um termo que diz com quem o emissor (a pessoa que fala ou escreve) está se comunicando. Suponha que você tenha um amigo chamado Marcelo, e deseja saber se ele vai à festa que acontecerá hoje à noite. Pode perguntar a ele ''Marcelo, você vai à festa hoje à noite?''. Repare que a palavra Marcelo diz com quem o emissor (no caso, você) se comunica, por isso ''Marcelo'' é um vocativo. Repare também que os vocativos sempre aparecem isolados por vírgula, uma vez que, sintaticamente falando, eles não se relacionam com os demais termos da oração.
Observação: o vocativo não precisa aparecer necessariamente no começo da frase, podendo ser deslocado: ''Você, Marcelo, vai à festa hoje à noite?'', ''Você vai à festa hoje à noite, Marcelo?''.
2°erro: sujeito, verbo e vírgula
É comum ver as pessoas separando um sujeito de seu verbo (ou locução verbal) por vírgulas. Isso constitui erro: ''Todos os alunos daquele professor, entenderam a explicação (errado)'', ''Todos os alunos daquele professor entenderam a explicação (certo)''.
Observação: muitos empregam a vírgula considerando-a como uma mera pausa. Aqui vai um fato, talvez chocante: a colocação da vírgula só será feita de maneira correta, se seu usuário souber bem análise sintática, pois ela está relacionada à sintaxe. Por isso nunca a empregue buscando dar uma pausa no seu discurso onde o leitor possa ''respirar''. Claro que às vezes ela é facultativa, e seu uso, de fato, concede ao leitor um momento onde ele possa ''recuperar o fôlego''. No entanto, se quer saber usá-la bem, estude sintaxe, estude sujeito, verbo, adjuntos adverbiais, orações, pois assim possuirá uma boa base para saber usar a vírgula corretamente.
3° erro: fazer, haver, chover e ser
Esses três podem atuar como verbos impessoais, que são verbos sem sujeito. Pense assim: para encontrar o sujeito de um verbo ou locução verbal, basta lhe perguntar ''O quê?'' ou ''Quem?''. Veja:
Eu comprei dois livros novos. (Quem comprou dois livros novos? Resposta: eu. Logo ''eu'' é o sujeito)
Maria e Catarina se amam muito. (Quem se ama muito? Resposta: Maria e Catarina. Logo ''Maria e Catarina'' é o sujeito)
Bem simples, não? Repare que nestas frases, a pergunta fica sem resposta:
Chove muito em lugares úmidos. (O que/Quem chove muito? O tempo? O clima? O céu? Deus? Sem resposta, logo sem sujeito)
Faz dez anos que não a vejo. (mesma coisa)
É uma hora e meia. (mesma coisa)
Há pessoas boas no mundo. (mesma coisa)
Observação: nessa oração, considera-se ''pessoas boas'' objeto direto do verbo haver; ''no mundo'' é adjunto adverbial de lugar.
Observação: por serem verbos impessoais, não possuem sujeito com o qual poderiam concordar, logo ficam na terceira pessoa do singular.
Observação: alguns verbos, originalmente impessoais, podem adquirir sujeito (ocorre principalmente em sentido conotativo). Nesses casos, como têm sujeito, devem concordar com ele em número e pessoa:
Choveram, na prova do professor Xavier, questões difíceis. (O que choveu na prova do professor Xavier? Resposta: questões difíceis. Logo ''questões difíceis'' é o sujeito) Repare que, como o sujeito está no plural, o verbo também está, concordando com ele.
Outro exemplo muito bom:
Fazem dez anos de casamento João e Maria. (vou deixar a análise desse com você)
Observação: cuidado com o verbo ser! Quando ele é um verbo impessoal, geralmente expressa as seguintes ideias: tempo, distância, hora ou data. Tais ideias se encontram no predicativo do sujeito, com o qual o verbo ser concorda:
É uma hora. (predicativo no singular, verbo no singular)
São nove horas (predicativo no plural, verbo no plural)
Hoje é um de maio (predicativo no singular, verbo no singular)
Hoje são dois de maio (predicativo no plural, verbo no plural)
Daqui à Cidade são dez quilômetros. (idem)
É frio aqui. (predicativo no singular, verbo no singular)
Observação: quando estiver acompanhado da palavra dia, indicando data, ficará no singular:
Hoje é dia 2 de maio.
Isso acontece porque agora o núcleo do predicativo é ''dia'', palavra que determina a concordância e está no singular. ''2 de maio'' é apenas um aposto especificativo.
Observação: eu disse anteriormente que o verbo ser concorda com o predicativo do sujeito. Se ele é impessoal, não tem sujeito, logo não deveria existir predicativo do sujeito. Também acho, mas é assim que a gramática tradicional manda classificar.
4°erro: verbo assistir
Trata-se de um verbo que, com o seu sentido mais comum (=ver, presenciar), é VTI (Verbo Transitivo Indireto), pedindo a preposição a. Veja:
Eu assisti o filme. (errado)
Eu assisti ao filme. (correto)
5°erro: namorar com
Trata-se de registro coloquial. A forma aceita pela gramática tradicional é VTD (Verbo Transitivo Direto). Repare:
Eu namoro com a garota mais linda da escola. (errado)
Eu namoro a garota mais linda da escola. (certo)
Ficarei por aqui. Até a próxima!
submitted by DiegoROCCO to Portuguese [link] [comments]


2020.07.30 22:11 lukerafirst_ vácuo inesperado.

Ola luba, editores, possível convidado, gatas, papelãossoas e turma que esta a ler. Bom, minha história começa a uns 16 anos atrás, quando eu conheci a (vamos chamar de "luna"), era época de flogão, fizemos amizade rápido e passamos algumas madrugadas conversando no msn, desde então sempre mantivemos contato, ela tinha uma irmã que eu também fiz amizade, (vamos chamá-la de lana), o primeiro contato que tive com ambas foi uma ida ao cinema, eu tinha marcado apenas com a lana, mas insisti pra ela levar a luna também, pra eu conhecer as duas.
Depois disso passaram bons anos e sempre com amizade com ambas, relativamente próximo, fui até na cerimônia de formatura da lana, enfim, mais um tempo passado a luna começou a namorar, e em pouco tempo decidiram casar, a essa altura eu já não tinha tanto contato com a luna, porque eu fiz uma piada com ela no messenger do facebook (algo que sempre rolava, direto a gente se zoava) o então noivo viu, não gostou e pediu para que eu parasse de ter esse tipo de conversa com ela. depois disso a lana me manda mensagem dizendo que eu seria o padrinho de casamento da luna entrando na igreja com a lana (eu ainda tenho o lenço de casamento de padrinho, bom, é pra estar na minha gaveta).
o casamento rolou, foi bonito e eu até assinei na ata como testemunha, a lua de mel deles foi em gramado, passou pouco tempo e separaram, (luna me disse que já na lua de mel estavam com desentendimentos), depois que separaram ficamos mais próximos, a gente saiu algumas vezes, eu ia bastante na casa dela, (eu sempre ME convidava, só dizia, sexta vou aí) ela era uma entusiasta de gastronomia e sempre fazia um prato maneiro, depois disso assistíamos um filme e ficávamos trocando ideia.
depois de um tempo, obviamente eu comecei a querer ela não apenas como amiga (hauehuiae como já deve estar pensando - óbvio [o poço]), eu até falei sobre com a lana, mas eu tinha uma barreira psicológica gigante, porque fui padrinho dela, achava que tentar uma aproximação além de amigo seria errado, ainda mais que sou católico, e não nego que em algumas oportunidades eu poderia tentar algo, mas fui MUITO banana e deixei escapar, piora o fato de ser tímido.
eu sempre chamava as duas para minhas festas de aniversário, e nunca foram, (moramos em lados opostos da cidade), e o contato virtual com a luna já não era grande coisa mais, porém, era sempre ótimo quando eu estava pessoalmente com ela. o fato de que a única forma de vê-la era me convidando pra ir em sua casa me deixou meio zoado das ideias, mas sempre que estava lá era muito bom, até os pais delas gostavam de mim.
uma vez eu busquei a luna para saírmos, e acabei apresentando-a para uma outra amiga minha (vamos chamá-la de maria) as duas se deram bem e trocaram contato, foi quando a luna pela primeira, ou segunda vez que me lembre, me chamou pra algo, na verdade, ela disse que sairia com a maria e que a maria falou pra que eu também fosse, mas ela "me convidou" me mandando um print da maria chamando-a para sair, haieuhauiehaueihuaiehuaie na hora eu nem liguei, mas quando eu lembro eu penso (que fdp).
considerando tudo isso, e sabendo que eu só as via (especialmente a luna que eu estava obviamente interessado, talvez apaixonado?) eu decidi que deliberadamente não puxaria mais assunto com a luna, minha ideia é que eu falaria com ela apenas quando ela puxasse papo comigo/me chamasse para algo... isso já tem 5 anos... nunca mais nos falamos.
algumas semanas atrás, eu sonhei com ela, eu descobri que ela estava abrindo uma doceria dentro de um shopping na cidade, ela já terminou o curso de gastronomia e estava abrindo seu próprio negócio, vi isso porque stalkeei seu perfil no instagram, fiquei muito feliz por ela, mas infelizmente veio a pandemia e não sei mais o que aconteceu.
eu sei que ela não usa mais o facebook, então eu abri o messenger e disse que sonhei com ela, só queria falar mesmo, não era nem pra ela ler, acontece que ela ainda usa o messenger, e leu minha mensagem, eu vi que leu porque eu reabri o messenger... ela quando eu vi que ela leu, já haviam passados alguns dias, e ela não disse nada.
bom, é isso, a história ficou muito longa, nem caberia em um vídeo, mas foi bom escrever isso.
bjbj turma :^)
https://imgur.com/1ThFTO1
submitted by lukerafirst_ to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.27 06:05 b_bast4rz O motivo de ter desistido de relacionamentos

Olá Lubisco, editores, gatas, finados papelões,possível convidado e turma que está a ver.
Espero que estejam todos bem ^^
Bom, eu tinha um pouco de receio de contar essa história com medo de dar algum B.O, mas acredito que se não citar nomes não vai ter problema, plus não tenho nada a perder explanando isso pq a pessoa em questão não acompanha o canal(inclusive falava mal do Luba chamando ele de "chaveirinho de hétero")
A história é beeeeeeeem longa então me desculpem :/
Essa é a história do meu último relacionamento
Antes de conhecer a dita cuja eu namorei outra menina por 4 anos, e foi um relacionamento bem tóxico e abusivo, minha auto estima foi destruída aos poucos ao longo dos anos mas mesmo assim eu continuei com ela pelo medo de abandono, pq se eu era a merda que ela falava que eu era mas ainda tava comigo, sem ela eu não teria mais ninguém. Até que chegou num ponto que terminamos de vez e eu decidi ficar longe de qualquer pessoa, mas a carência falou mais alto e fui me aventurar no Tinder pra conseguir algum rolo. Consegui alguns e tals, até que conheci a Jenny(nome fictício). Ela era linda e tinha muito em comum comigo, tínhamos a mesma idade, nascemos no mesmo mês e os gostos eram idênticos, e curiosamente ela também tinha saído de um relacionamento abusivo(que eu descobri que era mentira, mas conto sobre isso depois) ficamos por alguns meses e eu decidi pedir ela em namoro, e foi aí que minha vida mudou. Todo aquele terror do meu último namoro sumiu e foi só felicidade, era um namoro perfeito, tínhamos planos pro futuro, sonhos e tals e eu achei que daria tudo certo, até que chegamos em 2019. No início do ano ela tinha pedido pra terminar comigo, porque estava duvidando da sua sexualidade(ela era bi, mas tava pensando que era na verdade lésbica) eu entendi a situação e mesmo ficando triste aceitei o término e disse que se fosse pra gente ficar junto a gente ficava. Foram 4 dias separados até que ela voltou atrás e pediu pra voltar, aceitei e as coisas ficaram como eram antes, pelo menos por uns 2 meses. Ela morava numa república com amigos, todos homens, eu conhecia todos e também considerava eles meus amigos, e sabia que eles respeitavam nossa relação, porém um deles, que até então não representava uma ameaça começou a ficar bem próximo dela, achei um pouco estranho no começo,mas confiava nos dois. Mas as coisas começaram a tomar um rumo beeeeem mais estranho, ela chamava ele pra sair pra bares mas não me chamava(não era muito meu tipo de rolê na época, então eu acabava evitando, um erro bem idiota meu), Overwatch que era um jogo que eu comprei pra jogar com ela, ela jogava 2 ou 3 partidas comigo mas ficava horas a fio com ele e pra fechar, filmes que a gente tinha marcado de ver junto ela via com ele. Isso começou a me incomodar muito e eu cheguei q conversar com ela diversas vezes, mas ela sempre vinha com a desculpa de que não tinha nada e que ela via ele como um irmão.
Acreditei, mas ainda sim fiquei receoso por um tempo. Eis que chegou Junho, ela tinha uma apresentação na faculdade e eu estava a caminho pra poder assistir(tinha trocado de curso pro curso dela, não me arrependo mas evitar ela nos corredores foi foda) no caminho ela me disse que depois da apresentação ela ia pra uma boate comemorar e disse que como sabia que eu não queria/não poderia ia ela tava me avisando pra eu não me sentir excluído, então eu decidi ir com ela, pq queria fazer parte de alguns dos hobbys dela e me acostumar com a vida de balada e barzinho, chegando na casa dela antes de sair pra faculdade ela me trancou no quarto dando várias desculpas pra eu não ir pra balada com ela até que eu perguntei se ela queria terminar comigo de novo e ela disse que sim. Perguntei se era pelo mesmo motivo de antes e ela confirmou, mas dessa vez era diferente pq ela tinha perdido a atração fisica em mim. Novamente tentei levar na boa falando que se era isso mesmo era pra ela sair e ver o que ela queria, que se fosse pra gente ficar junto a gente ficaria, mas perguntei se ela tava sentindo atração pelo amigo, e mais uma vez ela veio com a mesma desculpa. Saí do apartamento dela e fui pra minha antiga faculdade acudir uma amiga que tava com alguns problemas, acabou sendo uma ajuda mútua :v
Passou uns dias e eu descobri que na mesma noite que ela me largou ela ficou com o cara. Eu não posso apontar o dedo pra dizer que ela me traiu, pq não tenho como provar, mas algumas situações indicam que sim ela me traiu, mas não vou entrar e detalhes quanto a isso agora.
No dia seguinte do término eu ainda não sabia que ela tinha ficado com o cara, mas tava sofrendo demais, na época eu usava o Twitter e fui la afogar as mágoas de noite enquanto fumava, bebia e ouvia músicas. A Jenny acordou depois da noite de bebedeira e foi ver meu Twitter, onde ela printou um tweet e me mandou, tivemos uma discussão pelo Whatsapp que eu vou postar os prints depois.
Os dias se passaram e eu segui triste e remoendo as coisas, cheguei a perguntar amigos dela se ela tinha comentado alguma coisa sobre terminar antes mas nenhum disse nada, até cheguei a perguntar um dos meninos que dividia o apartamento com ela, que ate então era o melhor amigo dela se ele sabia, mas como ele ainda tava do lado dela na época ele não disse nada. Então tomei coragem e fui atrás da fonte do meu ciúme e perguntei se eles tinham ficado, quando ele confirmou eu desabei no chuveiro chorando, pra piorar ele foi falar com ela, que acabou mandando um áudio admitindo que tinha ficado com ele na noite do término, mas estava extremamente puta comigo pq eu tava me intrometendo na vida dela, sei que depois do término ambas as partes não são obrigadas a dar satisfação, mas como tinha sido um término muito estranho eu queria ir a fundo. Depois de chorar horrores eu tentei me acalmar e falei que tinha ficado bem chateado com os dois, porque eu me senti traído. Foi eu falar isso que ela riu da minha cara e me bloqueou de tudo, e vamos de choro de novo, dessa vez ligando desesperadamente pra ela pra me desculpar, quando ela atendeu eu disse que tava de cabeça quente e não pensava direito, na verdade eu só queria manter ela por perto pq eu ainda a amava e queria tentar voltar, até desconsiderei ela ter ficado com o cara na noite do término pq ela disse que tava bêbada e foi coisa de momento, o que hoje em dia eu obviamente não acredito. Tentei manter isso por algumas semanas, mandei algumas mensagens e numa delas ela disse fez alguns testes psicológicos e descobriu que ela era insatisfeita com tudo, inclusive nosso relacionamento e disse que precisava colocar a cabeça no lugar e que não ia namorar de novo pq tinha que ficar sozinha. Dei esse espaço pra ela, mas a ansiedade falou mais alto e eu liguei de novo, dessa vez pedindo pra voltar quando ela tivesse e sentindo melhor, e me coloquei a disposição a ajudar ela com o que precisar, desde indicações de psicólogos e psiquiatras até medicamentos, e mantivemos uma certa amizade por um tempo, se é que da pra chamar assim, já que era ela responder stories no meu insta.
Quando as aulas voltaram e ela passou por mim pelo corredor, fui ignorado e fui chorar no banheiro. Os meses se passaram e eu ainda tinha em mente que era possível voltar, até que uma amiga decidiu tirar o band-aid da minha ferida e me mostrar alguns tweets dela, onde ela dizia que queria o @ dela deitada na cama e que tava muito apaixonadinha, adivinhem quem curtiu esses tweets? O @ dela, o amigo do apartamento . Dias depois eles assumiram um namoro.

Quando eu descobri que ela tinha assumido o namoro com ele, todas as minhas esperanças foram por água abaixo, tudo o que eu queria era meus mangás e pôsteres de volta, tudo que ela tinha deixado na minha casa eu ja tinha juntado numa sacola e só tava procurando alguém pra devolver, pq eu não conseguia olhar pra cara dela sem sentir um misto de tristeza, raiva e decepção. Finalmente achei alguém pra fazer a troca, entreguei a sacola pra uma amiga em comum e ela devolveu pra mim, ficaram faltando os pôsteres então ela entregou outra sacola pra menina, junto dos pôsteres, uma carta em resposta da que eu tinha escrito em Junho quando ainda tinha esperança de voltar(a troca rolou no início de Outubro), nessa carta ela dizia que não acreditava em nada do que eu tinha escrito pelas coisas que eu tava falando dela pelo Facebook, o que na verdade foi uma indireta pra minha outra ex, já que eu tinha ficado sabendo que as duas tinham conversado e a abusiva disse que eu era o monstro a relação e que ela sempre tentou me ajudar. Vou passar por isso rapidamente, a ajuda dela eram ameaças de término se eu não fizesse o que ela queria, seja entrar na faculdade, arrumar um trabalho ou tirar carteira, e como minha mente já tava toda fudida pelos outros abusos, meu medo de abandono gritava enquanto eu tentava fazer o que ela me mandava, que quando sem sucesso ela ficava puta. O post no FB era um print do Twitter dizendo "todo mundo é tóxico menos você né? Anjo perfeito enviado dos céus", desbloqueei minha ex abusiva exclusivamente pra ela ver isso, mas acabou atingindo outra pessoa, mas se a carapuça serviu eu não posso fazer nada.
Sabendo que ela via meus posts de alguma forma, deixava alguns posts em público, queria que ela visse que eu tava desapontado com o que ela fez, e também queria me lembrar pra sempre do que acontece quando a gente se entrega pra alguém. Esses posts levaram a uma situação onde uma amiga dela pegou todos e printou e postou no Twitter pra me ridicularizar, e chamou a Jenny pra bater palma pra isso, quem me disse isso foi o melhor amigo dela, agora não mais já que eles brigaram. Com essa situação eu decidi pegar vários áudios que minha amiga tinha salvo a minha ex metendo o pau dessa amiga por conta do show do BTS e fiz um vídeo, mas não postei em lugar nenhum, deixei salvo aqui esperando algum outro post escroto.
Hoje eu acho que nem postaria, pq só quero ficar em paz, a menos que tenha alguma outra situação do tipo, pq não vou ficar calado.
Sobre o relacionamento abusivo dela, como ela foi atrás da minha ex, tomei a liberdade de fazer o mesmo um tempo depois e disse as coisas que ela falava dele, o que ele me disse foi que ela dizia a mesma coisa de outro ex. É como se fosse um ciclo vicioso, ela namora uma pessoa, se arrepende e essa pessoa vira um monstro que ela conta pros outros namorados pra eles sentirem pena.
Enfim, quero finalizar aqui dizendo à todos que eu não odeio ela, mesmo o ódio sendo negativo ele é um sentimento forte demais pra sentir por alguém que te fez tanto mal, só fico desapontado com o que ela fez comigo, eu fui sincero com ela falando o que eu passei por 4 anos em outro namoro e ela me disse que também passou em um, éramos duas pessoas quebradas e na minha mente os pedaços faltando de ambos se completariam, mas não é assim que funciona e não foi isso o que ela fez. Ela viu o quanto eu era quebrado mas decidiu quebrar mais, não só isso, fazendo isso ela tirou completamente minha capacidade, minha coragem e minha vontade de amar, eu real não consigo me entregar de novo pra ninguém, pra me lembrar disso pra sempre uso uma aliança preta representando o luto. Se você leu até aqui, muito obrigado de verdade, eu sinto que tirei um peso gigante das costas com isso, grato pela atenção de todos.
Os prints estão no Imgur e o tem um áudio e um vídeo que não deu pra postar, depois eu dou um jeito de mostrar pra vocês ^^
https://imgur.com/7tESoww - Discussão que tivemos no dia seguinte
https://imgur.com/nWl5UDt - Quando eu descobri que ela ficou com o cara
https://imgur.com/A85izEl - As cartas
https://imgur.com/tCDNS2b - Conversa com o ex dela
https://imgur.com/feDWFhP - História que ela inventou no TT. Pra mim ela tinha dito que era a mãe que traía o padastro depois do divórcio, mas ela quis queimar o pai dessa vez não sei pq.
submitted by b_bast4rz to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.29 13:27 Bibitas Sou babaca por estar apaixonada pelo mesmo cara ha 5 anos e ter-lhe dado 4 foras?

Oi Lubisco, turma, papelões, editores e possível convidado (se for o Jean ele não tem oi)
Prefiro que não divulgue o meu nome por isso pode chamar-me de de qualquer nome que queira (carls provavelmente)
a minha história é a seguinte (se prepara porque são 5 anos de historia)
estava eu na sétima série quando um garoto novo entra na minha turma e eu já o conhecia deste a terceira série (ele estava na quarta nessa altura) e nessa época ele fazia bullying comigo devido ao meu peso, entre tanto, quando ele entrou para a minha turma por ter reprovado o ano eu nem olhava para a cara dele mas ele estava sempre tentando falar comigo super educado e “fofo” mas eu sempre dava respostas curtas, ele também estava sempre a querer fazer parte do meu grupo de trabalho mas eu nunca deixava. Com o passar do tempo eu fui falando com ele e percebi que ele já não era o mesmo babaca da 4ª serie (pensava eu) então quando dei por mim estava toda boba atrás dele. Cheguei a declarar-me para ele num dos intervalos mas ele disse que ja sabia e eu fugi dele kkk, ele me convidou para sair (acabamos por nao ir) e como sentava atrás de mim nas aulas estava sempre a mexer no meu cabelo e eu amava isso.
Um dia eu ia sair com umas amigas minhas (entre elas a irmã dele) e estávamos a almoçar na escola a falar sobre a nossa ida ao cinema quando ele se meteu no meio da conversa e deu a entender que queria ir tmb e eu perguntei se ele queria mas ele disse que não, MAS quando estávamos todas a sair de minha casa para a minha mãe nos levar para o cinema a mãe dele ligou para a minha e pediu para ele ir no cinema e LÓGICO que eu fiquei boba da vida e disse que sim então assim foi... ele ficou do meu lado do cinema e me deu a mão e tal, encostamos as cabeças, nada de mt 😏😏 mas foi muito fofo. Quando voltamos para casa depois do cinema (o filme foi resident evil caso esteja curioso) ele jantou comigo e com minhas amigas e mais uma vez a mãe dele ligou para perguntar se ele e a irmão podiam dormir em minha casa pois ela tinha q ir fazer sei la o q e não podia “tomar conta deles”. eu montei um colchão para eles dormirem ao lado da minha cama e quando eu fui dormir o meu braço estava pendurado e ele me deu a mão. Na manhã seguinte ele me acordou as 7 horas da manhã e pediu para se deitar cmg e ficamos falando de coisas aleatórias abarçados até que ele me pergunta se pode beijar-me e assim nos beijamos e ele passou o dia todo comigo e me beijou varias vezes. MAS na segunda feira (isto se passou num sábado) ele começou a namorar com uma das minhas melhores amigas (não tinha ido no cinema) e espalhou pela escola toda q eu era uma garota super fácil e que só queria sexo comigo. Um ano Se passou e ele tinha mudado de escola e nos fomos mantendo contacto e ele e minha (ex) amiga terminaram porque ele não a suportava (palavras dele) e ele estava sempre a dar em cima de mim. eu já não me lembro de tudo mas o que precisa saber é durante estes 5 anos ele teve umas 7 namoradas (se calhar exagerei um pouco kkk) e ele terminou com umas 2/3 para ficar comigo (alturas diferentes) e eu sempre dizia que não. Uma das vezes nos fomos a uns concertos gratuitos ao ar livre e ele foi comigo e mais uns amigos nossos mas quando ele me pediu para ter apenas uma amizade colorida comigo e quando encontrasse-mos alguém parávamos e caso não desse certo para esse alguém voltávamos e eu disse que não queria, que ou era a serio ou não era nada, não ia ser tapa-buracos de alguém. ele esteve super fofo cmg a noite toda mas quando eu disse não ele parou de me falar. Mais algumas vezes estas coisas se passaram e eu dizia que ainda gostava dele e ele dizia que ainda gostava de mim mas quando íamos ter algo serio mesmo eu sempre dizia q não a ultima da hora. O anos passado ele meio que ”invadiu” o meu jantar de turma porque eu tinha ficado chateada porque a minha nova melhor amiga estava dando em cima dele (ela sabia que eu amo ele). Agora estou no 2º ano do secundário, ainda o amo mas ele namora e desta vez parece ser mesmo serio. Nós somos super amigos e como temos ambos insónia ficamos falando ate as 5/6 da manhã todos o dia, eu posso confiar nele para tudo, ele sabe TUDO sobre mim menos que eu ainda o amo, mas não consigo confiar nele para namorar. Eu tenho medo q ele um dia arranje outro alguém tipo eu q vai dando em cima enquanto namora e depois acabe comigo para ficar com a garota. Eu me sinto super mal por todas as garotas que ele terminou por ”minha causa” (Nunca lhe disse nem dei a entender para ele o fazer). Recentemente ele me “convidou” para ser madrinha do cachorro que ele e a namorada dele vão ter quando casarem no futuro. Eu fiquei bem mal mas n demonstrei.
Sinto que desperdicei as minhas oportunidades... mas eu apesar de o amar não consigo confiar nele...
sou babaca por lhe ter dado foras se ainda o amo e por ter de certa forma “dado em cima dele” com ele namorando e depois recusar ficar com ele?
Independentemente da resposta alguém me diga o que fazer pfv.
(resumi muito mesmo, mas o importante está aqui)
Nota que talvez tenha relevância: ele foi o meu primeiro beijo e continua sendo o único.
beijos <30
submitted by Bibitas to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.14 05:19 Salamandra01_ O meu primeiro amor...

Olá, Lubinha, editores maravilhosos e caros telespectadores dessas terras tupiniquins. Queria começar agradecendo por você dar tanto espaço aos seus inscritos e foi por isso que tive coragem de compartilhar uma história muito importante da minha vida com vocês.
Completei o ensino fundamental todo em uma escola particular, pois graças a minha mãe e uma pitadinha de sorte consegui uma bolsa integral lá. E eu agradeço muito por ter estudado lá e conseguido ter uma boa educação, porém nem tudo são flores. Haviam algumas restrições lá e uma delas era justamente o controle sobre relacionamentos. Acontece que a escola não tinha ensino médio e eu tive que vir para uma escola pública aqui do meu bairro.
Quando cheguei lá, estava sem amigos (já que o pessoal da particular nunca fez muita questão de estar comigo, e ainda por morarmos longe), fiquei completamente perdido, afinal o ambiente era totalmente diferente. E foi aí que a minha vida começou a mudar: comecei a perceber que ao responder as perguntas dos professores eu era intitulado de nerd, por causa das minhas roupas mais casuais e por ter estudado numa escola particular eu era o riquinho da turma, e o pior de tudo: eu provavelmente era a única pessoa daquela escola que ainda não tinha beijado. Por sorte, acabei conhecendo bons amigos, inclusive o meu melhor amigo.
Passou o primeiro ano e essas questões estavam me preocupando cada vez mais, até que algo incrível aconteceu: a menina mais linda que eu já tinha visto entrou na minha sala e sentou em uma das mesas. Foi a partir dalí que eu não conseguia mais prestar atenção nas aulas, pois só tinha olhos pra ela. Eu não teria coragem de chegar nela, até mesmo porque a pouco tempo atras eu nem me importava com isso e então não tinha experiência nenhuma. Até que um dia teve uma palestra e ela por coincidência ganhou um livro de poemas. Eu nunca fui o tipo de cara que gosta de ler, mas aquela era a oportunidade perfeita para eu tentar me aproximar. Quando estávamos voltando pra casa eu a chamei, os amigos dela estavam com ela e eu estava morrendo de vergonha, mas tomei coragem e pedi para que ela me emprestasse o livro depois de ler. Foi assim que começamos a nos falar.
Até que um dia aconteceu a festa junina na nossa escola, e eu estava andando pra lá e pra cá com meu amigo, quando do nada eu e ele recebemos um bilhetinho dizendo que tinha alguém interessado em nós. Eu fiquei desesperado tentando encontrar quem mandou aquele bilhete, mas no meu coração eu tinha certeza que foi ela. Então um dia enquanto conversávamos eu tomei coragem e disse: eu gosto muito de alguém, mas eu tenho medo de falar porque pode ser que esse alguém que eu goste na verdade gosta do meu amigo (porque ela poderia ter mandado o bilhete pro meu melhor amigo ao invés de mim). E eu fiquei chocado quando ela respondeu: eu gosto de alguém, mas eu não sei o que fazer porque a minha melhor amiga também gosta dele. Bom... não preciso nem dizer que eu estava num mix de felicidade e preocupação. Conversamos bastante e decidimos que, apesar de inevitávelmente machucar alguém, eu gostava dela e ela gostava de mim, e não seria certo nós nos restringirmos por causa da amiga dela.
Meu primeiro encontro estava marcado, decidimos ir ao cinema. Eu cheguei quase 2 horas antes porque estava muito ansioso. Me levantava do banco e sentava a cada 5 minutos, as pessoas a minha volta deviam achar que eu era louco. Tinham dos caminhos pelos quais ela poderia chegar, eu ficava olhando pros dois lados sem parar, morrendo de ansiedade. Até que eu vejo ela vindo, não consegui me segurar, ela estava tão linda que eu abri um sorriso de uma orelha a outra. Nos cumprimentamos, demos uma volta antes de entrar e finalmente fomos assistir o filme. Quando estava na metade do filme eu sabia o que tinha que fazer, mas minhas pernas tremiam muito e eu não conseguia me mexer, até que eu decidi olhar para o lado e esperar ela me olhar de volta. Acontece que, ela era tão quanto ou mais envergonhada que eu então ela não olhou. Então eu cheguei perto dela e disse que queria beijá-la (kkkkkk nós ficamos rindo por um tempo), até que enfim nos beijamos... não vou mentir, tivemos que tentar umas seis vezes até rolar um semi-beijo (porque ela também não tinha beijado muitas pessoas). Depois daquilo eu abracei ela e continuamos olhando o filme. Por sorte, quando estava quase acabando eu lembrei de pedir pra ela olhar o meu rosto (eu estava cheio de batom kkkk). Saímos junto e voltamos pra casa, não queria estragar o resto do encontro então nem arrisquei tentar mais um beijo.
Bom... foi depois disso que tudo começou a desandar. Um dia enquanto conversávamos ela disse que precisava de um tempo para pensar, e quando ela voltou disse que era melhor nós pararmos. Meu chão desabou, começaram os piores dias da minha vida. Eu continuei ao lado dela como amigo, mas eu só estava me enganando... me machucava ficar ao lado dela só como amigo mas eu também não queria deixar de ser amigo dela. Começou um período de total confusão, ela tinha namorado por pouco tempo com uma menina ha um tempo atrás e parecia que nós estávamos competindo por ela. Isso continuou até o verão quando eu fui pra praia no ano novo, estavam todos comemorando e eu não conseguia parar de chorar pensando nela. Foi quando eu vi uma daquelas brincadeiras por status do Whatsapp onde precisa marcar entre uma semana atrás, um mês atrás, etc. E essa outra menina tinha marcado uma semana atrás para beijo... foi quando caiu a ficha. Não tinha sido eu o escolhido. Eu entrei no pior momento da minha vida, se eu já estava triste depois daquilo eu fiquei destruído. Depois que voltei das férias pedi para ela pra gente assistir um filme que já queríamos assistir há um bom tempo. Me diverti durante a tarde, tentei esquecer tudo o que tinha acontecido. Na hora de ir embora, ela me acompanhou até metade do caminho, eu dei o abraço mais forte que pude dar e me despedi. Fiz isso porque eu tinha tomado uma decisão: eu não queria mais sofrer... aquela era a última vez q a gente se falava.
Chegou o terceiro ano, minha rotina era ir pra escola, voltar pra casa e enterrar minha cabeça no computador fingindo que o mundo não existia. Meu melhor amigo tinha começado a namorar e eu já estava cansado de tudo aquilo. Eu sempre fui meio a moda antiga, e isso era um pensamento que me atrapalhava, porque eu já tinha deixado de ficar com as pessoas porque eu dizia que aquilo era ruim, que era errado ficar com alguém sem ter sentimentos (mas também grande parte era por medo da minha falta de experiência). Então por olhar pro lado e ver todo mundo feliz enquanto eu vivia triste, decidi que iria mudar... que eu nunca mais ia pensar em namorar na vida e que só ia viver de aventuras. Não durou muito tempo, afinal é impossível tentar ser quem você não é, continuava só com um beijo na ficha criminal.
Foi então que minha vida virou de ponta cabeça de novo... eu recebi uma mensagem dela. Foi a mensagem que mais abalou o meu coração, ela estava muito triste comigo por eu ter deixado de falar com ela porque ela realmente gostava muito de mim e eu me afastar dela foi suficiente pra ela perceber isso. Bom... eu fui um cuzão, mas posso me justificar por ter sofrido bastante, eu estava com medo de sofrer de novo, então eu disse pra ela que tinha mudado e que se ela quisesse eu só ia ficar com ela. Mas o sentimento foi mais forte, eu também sabia que gostava muito dela. Até que teve o aniversário do meu amigo, e eu pedi pra ela vir na minha casa antes para nós conversarmos antes de ir. Foi uma conversa bastante estranha, mas no fim decidimos dar uma chance pra nós, no fim eu fiquei tão empolgado que tentei dar um beijo nela, mas ela desviou e me pediu desculpa (o que era completamente compreensível devido a toda situação).
Foi então que começamos a ficar. Apesar disso, nós ainda não tínhamos tanta intimidade e não tinha rolado um beijo de verdade ainda. Eu ia pra casa dela mas nós ficávamos conversando, conversando mas ninguém tinha coragem de avançar. Até que um dia nós decidimos ficar nas escadas do prédio... e foi a mesma coisa, conversamos até a hora de eu precisar voltar pra casa. Eu estava completamente frustado comigo mesmo por mais uma vez não ter conseguido tomar iniciativa. Eu me levantei e nos abraçamos pra nos despedir, quando a luz da escada resolve apagar... nós ficamos um tempo abraçados e aí finalmente rolou. Foi um momento mágico, como se fosse o nosso novo primeiro beijo.
Depois disso começou a melhor parte da minha vida. Eu tinha uma namorada linda e era muito feliz ao lado dela. Então chegou aquele momento da relação onde precisávamos dar o próximo passo, acontece que nós dois tínhamos irmãos e era raríssimo ter um pouco de privacidade. Foi então que eu tive coragem de pedir para o meu pai me ajudar, então um dia marcamos dela pousar aqui. Naquela noite meu pai levou minha família pra sair e eu fiquei sozinho com ela. Estávamos assistindo um filme comendo pipoca, a ideia era esperar o filme acabar mas não tínhamos tanto tempo assim pra esperar. Aquele parecia o filme mais longo do mundo, até que eu olhei pra ela e disse: tu ainda quer ver o filme? (Eu sei kkkkk eu tenho um dom de constranger as pessoas), novamente nos rimos por um tempo até que ela disse que não queria mais assistir. Eu fui até a tv, abri no youtube e disse pra ela: você tem duas opções de playlist, a atual ou a clássica (kkkk bom... isso eu posso explicar, eu sempre comentava com meu amigo que algum dia eu iria fazer amor ouvindo aquelas músicas românticas clichês, porque eu realmente gostava delas). Pra minha surpresa, ela escolheu a clássica. Aquele era o momento mais feliz da minha vida, eu não estava acreditando no que os meus olhos viam, ela usava uma linda lingerie preta e a luz da tv na pele morena dela dava um contraste lindo a beça. Aquela foi a nossa primeira vez, um momento muito especial pra nós dois, a minha primeira vez e a primeira vez dela.
Acho que muitas vezes as pessoas esquecem que sentimentos mudam tudo. Nosso primeiro beijo, nossa primeira vez... obviamente não foram as melhores coisas do mundo, mas para mim e para ela foi, porque não se tratava de beijo ou de sexo, se tratava de amor.
Nós namoramos por bastante tempo, até que os problemas começaram a surgir e as diferenças começaram a nos atrapalhar. Ela era uma pessoa que gostava bastante de sair e eu era uma pessoa mais caseira, que gostava de cinemas, restaurantes, piqueniques. Além disso, eu sou uma pessoa extremamente carinhosa, já ela tinha uma maneira mais sutil de demonstrar carinho. Isso ao longo do tempo começou a ficar cada vez mais evidente, até que começou a machucar. No início nos fingimos que não estávamos vendo, porque amavamos muito um ao outro e não queriamos nem pensar na possibilidade de terminar. Mas infelizmente se tornou inevitável, nós tivemos algumas conversas mas para nós darmos certo era necessário que ambos mudassem, e nós não achavamos certo ter que mudar, afinal um relacionamento só da certo se ambos aceitam e conseguem suportar as diferenças. Foi então que a gente viu que não dava mais certo e resolvemos terminar. No fim, o sentimento não foi de raiva, não foi de tristeza. Decidimos continuar amigos porque a amizade um do outro importa muito pra nós, eu quero que ela seja feliz e sei que ela deseja o mesmo pra mim.
Com essa história gostaria de dizer que ter maturidade significa olhar pra trás e não ter vergonha do passado. Graças a ela eu me tornei uma pessoa melhor e aprendi muitas coisas. Aprendi com meus erros e vou me certificar de não errar da próxima vez. Nunca vou me esquecer dos nossos momentos juntos eu vou guardá-la pra sempre no meu coração.
OBS: sobre os bilhetinhos de festa junina, quando namoramos ela me contou que na verdade o bilhete que eu tinha recebido era da amiga dela e ela resolveu mandar pro meu amigo pela zueira kkk / outra coisa, ela foi muito importante pra eu mudar meu pensamento retrógrado, hoje eu sei que não tem nada de errado em ficar, e que na verdade é até bom pra conhecer a pessoa bem antes de tentar algo.
É isso, te amo Luba! Abraços!
submitted by Salamandra01_ to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.10 01:03 Carls296 Sou babaca por rejeita-la mesmo gostando dela?

No final do ano letivo os professores geralmente passam trabalhos de apresentação,então eu escolhi meu grupo e nele havia uma garota que eu estava ficando e outras 3,no dia do trabalho nós passamos um filme e depois eu e a carls(que era a garota q eu tava ficando)ficamos para limpar a sala pois tinhamos distribuido pipoca e refri e os outros sujaram toda a sala,até que quando eu estou varrendo o chão ela me solta "agente ja ta ficando a um tempo,quer namorar comigo?" eu fiquei super desesperada porque eu não tinha uma resposta pronta,então eu falei que inha pensar,eu realmente gosto dela mas quando formos pro ensino medio (isso ano que vem) ela vai estudar em uma cidade e eu em outra totalmente loge e eu sei que o namoro não vai ter futuro (detalhe q eu não respondi ela até hoje,fazem 3 messes) mas eu fui babaca por rejeita-la (e deixala no vácuo)mesmo gostando dela?
View Poll
submitted by Carls296 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.09 21:16 _um_otaku_qualquer_ N SEI SE ENCAIXA NA INTENÇÃO, MAS GOSTARIA DE EXPOR ESSA HISTORIA C VCS (TURMA FEIRA)

Bom dia, boa tarde ou boa noite aos leitores desse post (LUBA ME NOTAAAAAAAAAAA) Vou tentar ser breve com essa historia de forma que ela nao fique tao longa (apesar de que acho q ela va ficar um pouco grande digasse de passagem) n eh uma historia tao engraçada ou de ex mas ela fez com que eu aprendesse muitas coisas em muito pouco tempo tudo começou cmg aos 12 anos qnd eu estava jogando um jogo fenomenal super interessante que eu adorava chamado ddtank (sei q n eh isso tudo mas eu gostava mt na epoca rs), e eu smp encontrava pessoas para jgr (gostava bastante de socializar la dentro) ate o dia que encontrei um "menino" (guardem essa informação) que tinha um nick chamado "FuscaFlorescente" e eu jogava bastante c ele pq ele soltava altas coisas engraçadas q eu rachave de rir dps de mt tempo jgnd c ele (cerca de uns 2 ou 3 meses), decidimos compartilhar nosso facebook (pq era a unica rede social que usavamos na epoca), e sim eu poderia estar divulgando onde eu fico para um pedofilo, mas eu era inocente e n sabia dessas coisas. mas ao receber a solicitacao no fb eu vi que na vdd o "menino" do jogo era uma menina (e eu tinha deixado a solicitacao dela la uns 3 dias, pq eu achava que realmente iria aparecer um menino), e eu fiquei surpreso pq obviamente somos mais acostumados a presenciar o contrario, se eh q vcs me entendem
dps que compartilhamos o fb, ela (vamos nomear a menina de karls) ficamos jogando o mesmo jogo por mais um tempo e dps fomos para outros ate ficarmos no liga das lendas (vulgo league of legends digasse de passagem) e nunca perdemos contato entre nós, smp conversavamos cada dia
passou-se um ano que nos conhecemos e fiquei bastante curioso com o ocorrido daquela vez qnd eu descobri que ela estava se passando por um menino, ent resolvi perguntar a ela pq ela tinha feito aquilo (meio nd a ver a pergunta mas msm assim fiz) e mais uma vez a karls me surpreendeu c a resposta, pq disse que, por se passar por menina nos jogos que ela gostava, sofria mt com a toxicidade das pessoas, e ela tinha uma pessoa em comum (guardem isso tb) que levou ela a mudar sua identidade dentro da internet para ficar em paz (na epoca eu tava c 13 anos ja digasse de passagem). no final do dia, qnd eu ja tava saindo do pc, ela disse p mim que gostava muito do meu "jeitinho de ser" c as pessoas e por isso resolveu revelar oq ela era naquele dia, e que gostaria mtt de que as pessoas fossem assim umas com as outras
oq ela me falou nesse dia me impactou mt pq eu nunca tinha presenciado coisas do tipo tlg, ent desde o dia que ela tinha falado disso, eu decidi que eu iria mlr mais o meu "jeitinho de ser" c as pessoas (n sei dizer outra coisa p isso, dsclp leitores) e evitar o maximo a toxicidade dentro dos jogos, para n acontecer o mesmo trauma q aconteceu c a karls
passou-se mais um ano e a gnt ainda conversava. nesse meio tempo a gnt montou um servidor incrivel no discord que era a maior farra toda vez que td mundo entrava call (e todo mundo era do LoL). nesse ano (2018) eu teria uma olimpiada na minha escola mas meu pai ia viajar a negocios pra SC e perguntou se eu n iria qr ir, ent eu (um mlk q n gostava de ficar debaixo do sol de 35 graus na quadra) obv aceitei ir c ele, e avisei aos amigos desse servidor do discord que eu iria viajar pra SC por uma semana, soq eu n sabia que praticamente TODO MUNDO do servidor eram tb de SC (incluindo a karls), ent eu fiquei MT mais animado, pq uma viagem que eu tinha feito c meu pai (onde eu teoricamente iria ficar apenas moscando no quarto do hotel ou andando em lugares sozinho) iria ser uma viagem que eu iria encontrar meus amgs do server do discord. no meio da viagem, expliquei tudo pro meu pai, e ele concordou em me deixar ir me encontrar com esse povo, ate pq ele de certa forma conhecia eles, pq ele via a gnt conversar e aparecia na webcam p dar um salve ou algo do tipo
no primeiro encontro que fizemos com td mundo foi simplesmente especial p mim leitores. combinamos de ir todos vestidos de akatsuki (tds tinham mantos, mas tb tinha um amigo nosso, que era o cleiton [vms chamar ele assim] que ele conseguia arranjar manto p td mundo n sei como) em um shopping q tinha em SC e a gnt ia se localizar a partir desses mantos da akatsuki, e a gnt ainda se confundiu c um cara mt aleatorio KKKKKK, mas no final deu td certo, e a gnt se encontrou nos outros 6 dias da viagem, mas teve 1 dia em especifico (no penultimo dia da viagem) q tive q ficar na casa da karls pq meu pai ia se atrasar um pouco p me buscar (e meu pai n confia mt em uber, n sei o pq tb) e no final do dia, la pras 9 da noite, tinha soh nos dois la na casa dela (os pais dela tavam viajando e deixou ela cuidando da casa, mas ela era mt responsavel tb e ela morava em um condominio la) e meu pai foi me buscar so 2 da manha
ficamos esperando jogando lol (tinha 2 pczao xou de bola na casa dela) e dps ficamos vendo naruto em cima de um tapete. eu tava la deitadao no tapete da sala botando a cabeça na perna dela, dai a karls falou p mim "mano pq a gnt n namora?" e, nql hora, eu entrei em xoque, pq eu n sabia oq falar e nunca tinha namorado, ent fiquei sem reagir la, paradao. ai ela olhou pra mim, viu q eu tava c uma cara de ????? e fez uma cara de q ia chorar, ent eu fiquei gritando "TABOM TABOM TABOM" (ela chorava por td), dps a gnt ficou calado por 2s e ela perguntou qq a gnt fazia agr, e eu falei q n sabia. ai a gnt ficou vendo naruto ate meu pai chegar .
o outro dia seria o ultimo, e ela falou q n ia dar p se encontrar por conta de uma coisa la na casa dela, e td mundo tb sabia que eu n ia ir pq era o ultimo dia da viagem e eu teria que ir embora de SC. mas no msm dia a karls me mandou msg no pv p se encontrar na casa dela, pq ela qria flr doq aconteceu na madrugada. eu cheguei la e ela disse q tlvz n tenha se expressado direito na hora, e ela me recebeu c um bjo, e a gnt so ficou la na casa antes de eu ir embora (a despedida foi um aperto no coração tb digasse de passagem).
qnd voltamos da viagem eu n contei do ocorrido (o fato de eu estar namorando) pra casa (se eu contasse p minha mae na epoca ela ia transformar minha vida num inferno, ja q ela n concordava em eu namorar naquela epoca), apenas falei dos role q fizemos. no msm dia qnd entrei no server do discord as pessoas ja sabiam doq aconteceu e fizeram uma "festa de casamento" no minecraft, mas foi soh mais uma noite qlqr de jogo q a gnt fazia
com o decorrer do tempo naquele ano, tive que soltar umas pontas e falar devagar oq tava acontecendo pro meu pai, mas ele aceitou dboa e n ia flr pra minha mae pq ele tb sabia que ia dar ruim se ela soubesse. ele ate me cobriu algumas vzs e conseguiu uma vez fzr uma viagem no msm ano p eu me encontrar c ela e os amgs do server (acabei conhecendo os pais tb, os dois sao mt gnt boa bix).
n devo ter relatado aq, mas a karls na epoca fazia esgrima (a guria tinha feito 2 anos de muay thai tb bix) e ela voltava da escola de esgrima td dia sozinha, pegando busao, chegava de noite e, desde que a gnt começou a namorar, ligava p mim p flr sobre a vida. e eu precoce smp esperava c o telefone na mao deitado na cama. ate que chegou um dia que quebrou minhas perna
no ano de 2019 (mais especificamente no final do mes de fevereiro) eu fiquei esperando ela fzr oq ela smp fazia , mas por algum motivo ela n tinha ligado aql hora (nem mandou msg ou algo assim). eu imaginei que ela tinha ficado mt cansada naquele dia e q so ia conversar no outro dia, ent fui dormir, mas dormi um pouco preocupado tb
smp que eu durmo, eu acordo no meio da noite sozinho p beber um pouco de agua e volto a dormir. mas eu acordei, fui beber agua e lembrei que a karls n tinha enviado nada naquele dia, ent eu fui correndo pro meu telefone e tinha uma notificação do wpp da mae da karls, dizendo q ela tinha sofrido um "acidente de carro", n resistiu os ferimentos e acabou morrendo. dps, eu deitei, e simplesmente chorei mt na hora, ate amanhecer o dia
eu tinha perdido o chao na epoca qnd isso aconteceu, nosso grupo do server ficou mt abalado tb com a noticia. conversei com meu pai tb e ele conseguiu me pagar uma passagem p eu ir sozinho pro enterro da karls. td mundo tava la, ate os que n eram de SC viajaram pro enterro. ficamos desanimados por mttt tempo, a gnt n fazia mais as msm coisas de antes tlg.
mas n acabou (por increca que parível)
teve uma tentativa de homicidio com os pais da karls em que o cara acabou saindo dps de tentar matar eles. a policia descobriu qm era a pessoa "corajosa" que tinha tentado fzr isso e adivinhe so: era o corno daql cara que tinha traumatizado a karls. eu fiquei irado qnd eu descobri isso. no fim, o cara foi flagrado tentando fzr a msm coisa com outras pessoas e foi para julgamento. no fim do julgamento, em q estava uma das pessoas do server do discord (o cleiton) e os pais da karls, disseram eles que o cara era totalmente louco da cabeça, falando que a karls era uma vagabunda vadia pq n tinha aceitado se comprometer amorosamente c ele, e ele resolveu tirar a vida dela pq, se ele n conseguisse ter ela, ningm mais ia ter. obv, foi preso, nao so por isso mas tb por varias coisas que ele tinha feito antes.
fiquei um pouco aliviado dps q isso aconteceu, pq era meio q na historia toda tivesse algo entalado e q n qria sair. tive mts aprendizados sobre a vida nesse tempo em q tive 2 anos de amizade e 6 meses de relacionamento c a karls, e hj me tornei uma pessoa mt diferente, smp melhorando o meu "jeitinho de ser" q a karls falava de antes dps de ter superado tudo. parece ate filme saporra tmnc
sinceramente, gostaria q isso aparecesse na turma feira pq ao meu ver eh mt diferente das historias relatadas, apesar de n ser uma historia q os leitores fiquem muito "incredulos", mas acho que essa historia eh mais para todos que se sentirem, de certa forma, um pouco desanimados e sem um gatilho motivacional. escrevi isso mais como um desabafo, pq foi para poucas pessoas que eu contei dessa historia, e para categoriza-la como uma historia qlqr, apesar de o assassino da historia ser, de certa forma, um nice guy que foi mt ao extremo
leitores, juro q tentei encurtar o maximo q eu pude, mas obrigado aos q chegaram ate aq e luba, se tiver lendo isso, agradeço a vc tb, pq a karls gostava mttt do seu conteudo, e eu tb gosto mtttt
um bom dia, boa tarde ou boa noite para todos
submitted by _um_otaku_qualquer_ to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.06 07:37 Hakuzo_o Sou babaca por expor meu amigo?

Ola luba, editores, gatos seus q me encantam e pessoas q estão a ver... Em 2017 (eu tinha 13 anos) foi o ano em que eu comecei a ter aqueles "rolezinhos" de amigos sabe, eu nunca fui de fazer mtas amizades mas eu conhecia mta gente por causa da minha prima e a gente fazia esses rolezinhos na casa dela tinha varias merdas la do tipo: narguile, as vezes bebidas e também a brincadeira mais idiota q todo mundo brinca com o intuito de pegar alguém: verdade ou desafio (infelizmente eu amava isso) acabava q faziamos de tudo nesses encontros, inclusive foi nessa brincadeira que dei o meu primeiro beijo e foi horrível, eu babei ksjsksksks. Acabou que nesses encontros eu conheci uma garota, vamos chamar de xarls. Eu ja havia ouvido falar da Xarls pela minha prima pq elas eram amigas, porém eu demorei a conhece-la. Acontece que quando eu conheci ela meu coração começou a errar as batidas sabe e nesse dia eu senti uma estranha sensação que beijaria-ela, acabou que a gente foi pra casa da minha prima e a Xarls tirou meu bv ksksksksk. Oque parecia ser um beijo normal, significou algo pra mim bem tosquera mesmo e antes que eu percebesse, comecei a gostar dela, é ai que a desgraça começa, dias depois meu melhor amigo vamos chama-lo de Sarls (ele tbm participava desses encontros) chega pra mim e diz "ou, acho que eu gosto da Xarls" nesse momento eu imaginei todas as cenas de filme adolescente que eu ja havia visto de dois amigos gostarem da mesma pessoa e pensei "poxa, depois de tantos filmes acho q estou apto a lidar com tudo isso" ent mtos dias eu e ele conversando sobre isso, como resolver a situação ele de repente, sem mais nem menos foi la e ficou com ela, foi como se meu mundo desse uma parada, pq ele meu melhor melhor amigo mesmo, foi um dos primeiros que conheci quando me mudei pra ca onde eu moro hoje. Eu fiquei mto mal naquele dia, mas n parei de ir nos roles com o povo mesmo n aturando tudo aquilo. Pouco tempo depois eles começaram a namorar e eu pensei "ah, é meu melhor amigo eu devia estar feliz com ele" e ent resolvi mandar mensagem, e começamos a conversar e de repente ele me manda um áudio me chamando de corno, é me mandando superar o chifre com alguns amigos(depois ele jurou de pé junto que ele não tinha dito nada no áudio, mato todos nossos amigos juram de pé junto que ouviram a voz dele), não só isso como também me ligou pra rir da minha cara, eu desliguei de cara e bloqueei ele e comecei a pensar noq fazer. Alguns dias depois, teve um role daqueles só que com mto mais pessoas, quando todo mundo se reuniu na mesa, eu peguei meu celular e tava passando as mensagens, e vi o áudio dele, naquele momento eu surtei e liguei o áudio no maximo de volume pra todo mundo ouvir e fingi que tinha sido sem querer, e todo mundo viu oque ele tinha feito e aos poucos foram parando de falar com ele, disseram que estão 100% do meu lado e essas coisas, depois do meu surto os roles foram perdendo a graça, eu parei de ir e eles foram acabando devagar ate que nosso contato hj em dia é pouco comparado ao de antes, eu continuo amigo de todo mundo mas ele eu n sei, pois mudou de cidade ent o contato foi literalmente cortado. Sou babaca por expor meu amigo e fazer todo mundo ficar contra ele?
View Poll
submitted by Hakuzo_o to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.03 21:38 tsuga2004 Meu dia foi de bom a terrível

Oi, não sei muito bem como começar isso. É um longo desabafo, e eu só queria tentar me sentir melhor fazendo isso nesse subreddit.
Eu sou um garoto de 17 anos, e hoje está sendo extremamente sufocante pra mim.
Meu lado emocional nunca foi bem desenvolvido, e eu normalmente nunca demonstro carinho por ninguém. Tive algumas chances de me envolver com garotas ao longo do ensino médio (sou bixo da faculdade), mas nunca corri atrás disso.
Acontece que em Outubro de 2018, eu conheci uma garota na internet, e a gente começou a se falar. Ela é de outro país. No início foi bem como uma amizade mesmo (já sabe onde isso vai dar né), mas aí, do meio de 2019 pra cá eu comecei a realmente me apaixonar por ela.
Foi quando ela me enviou uma pintura que ela mesmo fez (ela sabe pintar), e eu fiquei extremamente feliz, porque era a primeira vez que alguém tinha me dado algo tão especial.
A gente continuou conversando e cada dia mais ela entrava na minha vida como uma pessoa admirável, por tudo que ela fazia. Eu realmente queria estar ao seu lado todos os dias.
Mais ou menos no final de Novembro ela começou a namorar, e eu não vi isso como um problema, até porque eu tava muito focado nos vestibulares, e, sinceramente, eu tenho ideia de que relacionamento à distância tem uma chance bem alta de vir a falhar, e eu provavelmente não conseguirei estar onde ela está bem cedo.
Por esse último motivo, eu nunca realmente falei exatamente como eu me sinto pra ela, e ela só me vê como o "bom e velho amigo que escuta seus desabafos".
Beleza, passei as férias de verão sem falar muito com ela, porque ela tava curtindo o namoro dela e tals. Em Janeiro, eles terminaram, e o ex dela foi um babaca: começou a ignorá-la sem motivo, a desrrespeitá-la e tals.
Ela ficou bem abalada, e eu a confortei com o que pude. Eventualmente, ela melhorou.
Agora vamos ao título.
Ontem eu estava conversando sobre ela com uma outra amiga minha, pra ver o que ela pensava sobre tudo isso. Em resumo, eu decidi que eu ia mudar a minha postura para uma mais madura de agora em diante, pra ela parar de me ver como um amigo. Eu ia começar a me envolver mais com ela, a tentar ser um pouco menos medroso.
Então, hoje, depois de dias acordando cansado e pensando que o dia ia ser uma merda devido à quarentena e ao EAD, eu acordei realmente feliz e motivado.
Eis que eu dou bom dia e pergunto como ela está, e ela me responde que ela tinha conversado pessoalmente com o ex dela (lá já acabou a quarentena). Adivinha? O ex falou que no período que eles se separaram ele tava surtando, não achava que merecia alguém como ela, que ele tinha se isolado por se sentir incapaz... Bom, ela disse que talvez ela ainda goste dele, e começou a me falar que não sabia o que fazer.
Enfim, um dia que era pra ser bom, virou uma grande merda, a pior merda. Eu nunca tinha passado por uma situação como essa, parece plot de filme. Eu tenho quase certeza que eles vão voltar a se falar, e ela vai se distanciar de novo de mim, como no início do ano.
E o pior é que a culpa é toda minha. Ela não sabe o que eu sinto por ela, ela não falou sobre o ex dela por mal. Ela deve estar tão confusa quanto eu. Eu quero que ela seja feliz acima de tudo. Mas... e eu? Mesmo que a culpa seja minha, eu ainda me sinto muito ruim, essa sensação de "coração quebrado", eu nunca tinha sentido isso. Hoje eu não fiz nada, só chorei no banheiro. Eu me sinto muito, muito ruim, e não sei pra onde correr, sabe? Em Dezembro, eu estava mais distraído com os vestibulares e com a escola que eu frequentava. Agora, na quarentena, tá difícil.
Provavelmente a resposta é esquecê-la, né. Mas, eu não consigo fazer isso, não consigo. E o pior é que provavelmente eu irei passar por isso mais vezes, se eu não cortar o contato. Ver ela desabafar sobre o ex dela, sem poder falar nada, de como tá doendo aqui, é sufocante.
Um dia eu espero que eu possa dizer a ela tudo que eu sinto. Eu não disse isso hoje porque eu sou um medroso, e também porque tudo isso que eu estou passando não é culpa dela, é só da minha incompetência.
Parece até pegadinha. Eu normalmente sou pessimista, e hoje, quando acordei achando que tudo ia dar certo, me acontece isso, e eu fico sem chão.
É isso, obrigado de verdade por ler tudo.
submitted by tsuga2004 to desabafos [link] [comments]


2020.05.27 18:14 rafitaaraujoo História

Olá Luba, turma que está a ler e gatas
Título: “namoro” de TikTok (Se quiser fazer algum sotaque pra ler, eu sou carioca kkkkk)
Vou dar um contexto antes: eu sou tiktoker, e a galera do tiktok é tipo Youtuber tbm, meio que todo mundo se conhece, a maioria é amigo e tal. Em setembro eu entrei uma live de um garoto que eu gostava dos vídeos mas ele não me conhecia, mas junto com ele tava um amg meu (tbm tiktoker), que na hora que eu entrei na live e falei no chat ele me reconheceu e me deu oi e tal e o menino falou tipo: “quem é essa?”, aí o amg dele respondeu: “ela é uma tiktoker lá do RJ” (no caso o menino da live é do interior de Minas e o amg é de SP - vou chamar o de Minas de A e o de SP de B). Aí quando o A clicou no meu perfil pra ver se ele reconhecia pela foto, ele gritou: “MEU DEUS ELA É MUITO GATA, VOU SEGUIR”, aí eu ri, e falei tipo: “me beija então po”, aí ele falou que no encontrinho do RJ fazia isso (Dando contexto de novo: nós sempre organizamos encontrinho de tiktokers pelo Brasil, pra gente encontrar os fãs e os nossos amgs do tiktok tbm. E no caso o encontrinho aqui do RJ foi em dezembro). Aí nesse dia não deu mais nada. Só que outro dia eu que estava fazendo live e o A entrou na minha live e começou a mandar presente, aí eu comecei a falar que ele era perfeito e tal e tal. Aí do nada ele falou: “quer namorar cmg?” Aí todo mundo nos comentários ficou tipo: “aceitaaa” aí eu aceitei de brincadeira. Logo depois que terminou a live, eu mandei uma mensagem pra ele tipo: “oi namorado, quer ficar em ligação?” Aí nesse dia ficamos a madrugada toda em ligação, e começamos a fazer isso todos os dias por 1 mês mais ou menos, até que 1 dia eu tava indo dormir e ele realmente pediu de namoro pela ligação, e como a gente ia se ver logo eu aceitei porque eu meio que tava gostando dele. Continuamos a conversar todos os dias, comecei a usar um anel que parecia uma aliança e ele tbm porque ele falou que quando ele tivesse aq a gente ia comprar uma aliança descente...
Aí tá, sabe aqueles vídeos de casal do TikTok que antigamente o pessoal do YouTube, inclusive você, reagiam? Então, eu fazia alguns desses vídeos mas juro que menos ridículo kkkk e a gente tentava dar um ar mais polêmico sempre colocando beijo no vídeo. E eu e mesmo amigos aqui do RJ sempre saímos pra gravar juntos, e nesse dia eu gravei um vídeo com o meu amigo que ele me dava um selinho no final, e antes do meu amigo postar o vídeo contei pro A pra caso ele visse não fosse uma surpresa. Ele brigou muito comigo, entendo ele até porque eu tbm ficaria bolada, MAS, na hora que gravei achei de boa porque sabia que ia ser um vídeo polêmico (inclusive o vídeo pegou mais de 1M de views) e era só um selinho pra uma cena e não um beijão. Aí tá, chegou à época do encontrinho e pessoal costuma chegar 1/2 dias antes do encontro pra a gente poder encontrar todo mundo antes e tal, e no caso o encontro era no domingo e ele chegou na quinta porque ele queria ficar pelo menos 1 dia sozinho comigo porque na sexta o B chegaria e eles tinham alugado um apt junto com outros 5 ou 6 (não lembro exatamente) tiktokers. Aí tá na quinta fui lá na rodoviária buscar ele e uma outra amg me mandou mensagem avisando que tbm ia chegar na quinta pra eu esperar ela tbm. E eu como uma amiga ótima, diz-se trouxa, que sou esperei tbm. Mas como estava chovendo muito e estava tarde, ia ser difícil ela ir pra casa de um amigo nosso que ela ia se hospedar que é muito longe da rodoviária, então falei pra ela ir pra minha casa com a gente e de lá pegar um uber. Quando chegamos na minha casa resolvemos comer alguma coisa e ela foi ficando e fiquei sem coragem de pedir pra ela ir embora, começamos a beber, do nada ela falou que tava enjoada e que ia parar e ele falou o mesmo, e eu continuei bebendo. E eles começaram a conversar entre eles e me excluíram da conversa (os dois estavam sentados na minha cama e eu na cadeira mexendo no computador), aí eu fiquei puta com aquilo e coloquei um filme pra ver, e deitei na cama do chão que eu tinha colocado pra ela e acabei dormindo porque né, estava bebada. Quando eu acordei os dois estavam na minha cama dormindo abraçados. Acordei MUITO puta e comecei a mandar mensagem pra uns amigos meus que estavam vindo pra perguntar se eles já estavam chegando, quando chegaram deram uma aliviada no clima que tava. Chamei ela pra conversar e perguntei se eles tinha ficado e pedi pra ela evitar de ficar tão perto dele porque tava me incomodando aquela situação e ela disse que nunca faria algo do tipo mas ele tava dando a entender que queria. Aí ela contou pro A isso que eu tinha falado e ele começou a falar que eu não tinha que controlar a vida dele e que achou que tinha mostrado que não queria mais nada comigo, sendo que ele não tinha falado NADA sobre, e a gente tinha ficado assim que ele chegou, no uber e aqui em casa. Aí comecei a chorar que nem louca, tive algumas crises e tal e falei que ia levar ele logo pro apt que ele ia ficar e falei pra ela ir embora tbm. Quando chegamos no apt eu fiquei muito aliviada porque vi meus amigos lá (inclusive o B, que começou a falar que o A era muito infantil), contei o que tinha acontecido pro pessoal que estava lá e todo mundo ficou muito bolado com o que tinha acontecido e não queria a garota lá até porque o A não perguntou pra ninguém se podia levá-la pra lá (mas acabaram não expulsando ela, mas claramente estavam incomodados com ela) Aí tá, eles ficaram lá no quarto fazendo live e eu tava no andar de baixo ajudando a fazer comida pra todo mundo, do nada meus amigos começaram a me mostrar fotos e vídeos de eles se beijando no quarto sendo que ela tinha falado que nunca faria isso cmg, Depois que eles souberam que eu sabia os dois ficaram me provocando a noite toda.
É isso, se quiser ver os vídeos que eu mencionei é só falar 😂 Bjs <30
submitted by rafitaaraujoo to TurmaFeira [link] [comments]


2020.05.02 00:14 NoiteAmorosa PROCURO NAMORADINHA

EU QUERO UMA NAMORADINHA: redpillada channer, dogoleira, wgtow, ancap, jogadora de lol, jogadora de poker, bv, virgem, sem amigos, crente, fã da UDR,magrela, footlet,escuta Chico Buarque, weeabo, hikkimori, otaku, gamer, furry, fujoshi, hetero,federal,trader de bitcoin,hacker, defacer, cubista, penspinner, recordista de memorização de baralhos, timida, mãe de pet, hidratada, não consumidora de açucar, saudável, youtuber, netolover, pooper, cambista, shitposter, anarquista, materialista, roquista, travesquista, mono talon vlogger, blogueira, e-girl, intolerante a lactose, intolerante a gluten, grinder e hipnóloga, fiel, niilista existencialista, metaleira, headbanguer, pelo no suvaco, patriota, masoquista, ballbuster, jogadora de minecraft, buceta fedida, que não tenha medo de chuta minhas bolas pelo amor de deus eu nao consigo encontrar uma menina pra chutar minhas bolas por favor deus eu imploro nao agusnto mais isso nao eh um meme porque voces tem medo de me chutar no saco. Raça: nórdica Altura: 170cm+ Pele: 1 ou 2 (Fitzpatrick) Olhos: 7+ (Martin) Cabelos: qualquer cor, mas apenas lisos ou ondulados (FIA) Nariz: reto ou virado para cima Crânio: dolico ou mesocefálico Óculos: não Aparelhos: não Queixo furado: não Covinhas: não Orelha presa: não Orelha de abano: não Franja em V: não Pelos no corpo: muito pouco Tatuagem: não Graduação: apenas cursos voltados à pesquisa Faculdade: apenas bem conceituadas Habilidades matemáticas: sim Idiomas: fluência em inglês e mais outro idioma Álcool, cigarro, drogas: não, nenhum Personalidade: introversão Cultura: europeia ocidental RELIGIÃO: Cristã Ortodoxa Gostar de escutar rogério skylab:
Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab. O humor é extremamente sutil e, sem uma compreensão sólida de filosofia moderna, a maioria das piadas vai passar despercebida pelo telespectador médio. Há também a visão niilista de Rogério, que está habilmente tecida em sua caracterização - sua filosofia pessoal se baseia fortemente na literatura de Nododaya Volya, por exemplo. Os fãs entendem essas coisas; eles têm a capacidade intelectual para realmente apreciar a profundidade dessas piadas, para perceber que elas não são apenas engraçadas - elas dizem algo profundo sobre a VIDA. Como conseqüência, as pessoas que não gostam de Rogério Skylab são verdadeiros idiotas - é claro que eles não apreciariam, por exemplo, o humor no bordão existencial de Rogério "Chico Xavier é viado e Roberto Carlos tem perna de pau", que é uma referência criptíca para o épico Pais e Filhos do russo Turgenev. Estou sorrindo agora mesmo imaginando um desses coitados simplistas coçando a cabeça em confusão enquanto as músicas se desenrolam na tela de seu computador. Que tolos… como eu tenho pena deles. E sim, a propósito, eu tenho uma tatuagem do Rogério Skylab. E não, você não pode vê-la. É só para os olhos das damas. E mesmo elas, precisam demonstrar de antemão que possuem um QI com diferença absoluta de no máximo 5 pontos do meu (de preferência para baixo).
Rotina, Habitos e interesses: Nofap + Banho Gelado + comer carne crua + comer virado pra parede + biohack + dormir no chão + Jordan Peterson + mewing + HBD + PUA + jelq + dormir 5 horas por dia + café gelado sem açúcar + hipismo + compilação mitadas Enéas + alho cru + podcast do Joe Rogan + redpill + Brain Force + Jejum + meditação iasd + músicas para concentração, foco e inteligência + teste de QI da internet + grupos de linhagem viking do facebook + ficar longe do poste de internet 4G + youtube do varg vikernes + essência de morango da turma da mônica no narguilé + jogar vape na cara de todo mundo que tentar entrar no bloco da faculdade + 5 segundos de calistenia no deserto do atacama + darkcel + óculos do aécio na foto de perfil + ler quotes do nietzsche no brainy quote + criar galinha no quarto sem os pais saberem + Alho cru + uma colher de azeite quando acorda e outra antes de dormir + jejum de 24hrs a cada 72hrs + assistir VT no premiere logo que chega do estádio + canal Ultras World + LibreFighting + Operation Werewolf + comprar os artigos do Paul Waggener + Centhurion METHOD + humilliation exposure com a finalidade de criar uma crosta na sua mente capaz de desenvolver uma resiliência que resiste à humilhação como se ela fosse nada + tomar banho descalço em chuveiro de academia com chão mijado + musculação caseira + hackear o sono + Empreender + 10 livros de auto ajuda por mês + PUA + Selo super fã da fúria e tradição + Biokinesis + 432hz music + Mexer o pau sem piscar o cú + meditação transcendental + veganismo + minoxidil para cultivar uma barba + filmografia Jason Stataham + assistir vikings + redpill + ir no cinema sozinho + treino saitama + coach quântico + enema de café + dieta lair ribeiro + agua alcalina + O Método de Wim Hof + sabedoria hiperbórea + artigos da Nova Resistência + Biblioteca do Dídimo Matos + dormir virado pra patede assoviando no escuro pra espantar o curupira + dar 3 pulinhos toda vez que levantar da cama + dizer amém quando um 1113 azul passar por você na rua + 100 flexões por dia + 6 meses de jelq + injaculação guiada + sociedade thule + energia vril + chapéu de alumínio para se proteger das armas psicotronicas emitidas pela CIA + caderno de anotações smiliguido + pedir a bênção ao carteiro toda segunda de manhã + 3 horas de academia + 4 horas de corrida + mascar café + exercícios penianos do Dr. Rey + maratona saga Rocky + trilha sonora saga Rocky + trilogia Mercenários + filmes do Jason Statham + assoviar o hino do Palmeiras de ponta-cabeça + intro do Canal do Nicola em loop + palestras do Antonio Conte + vídeos do Rodrigo Baltar + dicas do Gustavo Gambit + aulas de italiano + dormir ouvindo Ultraje a Rigor + ler Walden pelado na mata atlântica de madrugada + ouvir músicas em velocidade aumentada + canto gregoriano árabe + ensinar hino do botafogo pra calopsita + fritar comida com banha de porco + assistir videos de situaçoes de risco com a finalidade de se preparar para o perigo + Terapia Holistica com formandos da UFPR no Jardim Botânico + Radiestesia para harmonizar vibração da casa + Metatron 432HZ no YouTube entoando a oração EU SOU + ler O Código da Vinci + Jesus Quântico + Barra Fixa na praça de madrugada escutando audiolivro do Jordan Peterson na voz do cara dos Fatos Desconhecidos + grupo POPEYE AFIANDO A PIKA + MyInstants AEEE KASINAO + Memes do Fausto Silva + ler O Evangelho dos Animais + stories do Copini no Instagram + Canal SocialGames7 com Gustavo Gambit e CIA + textos de Raphael Machado (Nova Resistência) + ser ex-membro do grupo Comunismo Ortodoxo + Monja Coen + Fazer origami com papel do bis + perder dinheiro com maquina de pegar ursinho + fumar palheiro com o avô + quebrar palito de dente no meio depois que usar + rezar Pai Nosso em aramaico + tentar se comunicar com o ashtar sheran + virar catequista e passar Plínio Salgado para as crianças + Limpeza de 21 dias de São Miguel Arcanjo + arrancar a fimose comendo cu apertado de galinha caipira + Regata branca WifeBeater com calça jeans clara e bota marrom + Ingressar na legiao estrangeira + Comprar toras de eucalipto pra reproduzir o centurion method mas nunca começar o treinamento + vender máquina de cartão de crédito + ler os escritos do Unabomber + Escutar a discografia do Paul Waggener + ler todos os livros do Pavel Tsatsouline + ouvir rap eslavo de cunho político suspeito + café com um cubo de manteiga dentro precedendo a primeira refeição do dia + beber 2L de leite por dia + Stronglifts 5x5 + Dieta Cetogênica + Canal Jason PROJETO GIGA + Cd do TRETA + comprar torre de chopp no prensadão + 2 cápsulas de Tadalafellas antes do sexo + só comprar comida japonesa importada pra dieta + comer arroz sem sal com peixe cru sem tempero enrolado em folha do fundo do mar + memes da página Dollynho Puritano + Deus Vult na capa do Facebook + acessar o dogolachan pelo computador da escola pra postar fanfic gay do Gilberto Barros + Trollar atendentes do mcdonalds no habbo hotel + ligar para o Motel Astúrias perguntar quando custa a bolacha Bauducco que aparece no site + Mandar entregar pizza na Rua dos Tamoios casa n°18 com portão vermelho + cosplay de russo no Omegle pedindo pra mostrarem a bunda + Dormir imaginando uma linha pra fazer viagem astral + recitar Homero pra mendigo + tomar antibiótico no café da manhã + Meditar imaginando o raio de luz violeta que representa a energia transmutadora + Workshop Reiki do Canal Luz da Serra MULHERES TERRAPLANISTAS RALEM.
Primeiro de tudo! Vai tomar no cu, MULHERES terraplanistas! Junto com todas que me contrariaram nos últimos meses falando "dur hur você não sabe nada de paleontologia, vai assistir seus desenhos filipinos e não encha o saco". TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! LERAM DIREITO? TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! A farsa ficou tão óbvia, que eles não tem mais como esconder que TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! Alguns mais penas, outros menos penas, MAS TODOS TEM. E aproveitando no mesmo vídeo, NÃO TEVE METEORO PORRA NENHUMA! Provavelmente as mudanças climáticas naturais, junto com a separação gradual dos continentes, é que extinguiu a mega-flora e a mega-fauna. E se teve algum meteoro, apenas acelerou o processo em uma região muito especifica. Agora só falta as ((especialistas)) e a (((Academia))) admitir que dinossauros nunca existiram e que foi tudo um erro grotesco de interpretação de pessoas que não sabiam que caralhos eram aqueles esqueletos. São apenas aves e mamíferos ancestrais de milhões de anos atrás. E antes que eu me esqueça, vai todo mundo que me contrariou tomar no cu!
GOSTAR DE MIM POR QUEM EU SOU E NAO PELA MINHA APARENCIA
Sério, de verdade, ser uma pessoa bonita não é fácil em nossa sociedade atual; não é só os olhares de desejo das mulheres e dos homens que me incomoda, e sim, o fato de ser só isso para as pessoas. Sou muito mais que apenas um cara bonito. Tenho qualidades além dessas, e saber que as pessoas não ligam para elas, pois estão entorpecidas de anseio pela minha formosura, me entristece muito.
Não suporto mais ser bonito. Tudo que eu queria era poder nascer de novo num corpo de uma pessoa feia, pois sério, vocês não sabem como me dói saber que por culpa de algo que nasceu em mim (a incrível beleza), serei rotulado eternamente por isso.
Eu trabalho, estudo, procuro, conheço, aprendo! Sou um ser-humano como qualquer outro e não só mais um rostinho bonito.
Pergunta antes de eu poder te namorar: Você é ocultista?
Essa é a pergunta de um milhão de dólares que raramente vejo sendo feita.
Se você ainda não for, pra se tornar minha namorada precisará ser e aqui está como fazer isso
É fato que a maior parte da literatura especializada ocidental acredita em Deus e Cristo, somente olhando-o por uma lente diferente. Não há um ritual que lhe aproxime de Deus, as coisas raramente são tão simples. Entretanto, com estudo e meditação o caminho começa a ficar mais claro.
Entenda que não sou nenhum senhor da verdade, e o que te falo hoje posso descobrir ser mentira amanhã. Saiba também que um dos maiores problemas desse meio é a falta de um início claro, sendo as obras tidas como introdutórias porcarias completas. Dito isso, lhe respondo o seguinte:
  1. O caminho mais completo para se aproximar do que você quer começa com noções do pensamento Helênico. Entenda que boa parte da visão de mundo cristã vem da antiguidade clássica, principalmente as noções de harmonia e belo. Não te peço para ler tudo o que já foi jogado ao chão pelos gregos, mas saiba um pouco das origens das coisas. Tenha uma ideia básica dos quatro humores gregos, e que essa é uma das origens para atribuirmos personalidades aos elementos da natureza. Entenda um pouco dos seus deuses e Cosmos, porque eles serão utilizados no futuro de forma metafórica em textos. Saiba que quando aparecer um hermafrodita em um texto especializado não há conexão com desvios modernos, mas com um simbolismo mais antigo (Salvo engano, sua origem é Platônica. Mais especificamente, O Banquete, durante os discursos sobre amor).
  2. Entenda que boa parte da origem da magia ocidental vem da confluência da cultura grega com a egípcia, incluindo a alquimia. A tábua esmeralda é um texto obrigatório. Leia um pouco sobre o Axioma de Maria, A judia. Aprenda um pouco da simbologia alquímica, porque será importante para você no futuro. É dentro da alquimia que irão discursar sem final sobre a trindade (pelo menos os da corrente de Paracelso). Não se pretenda nenhum mestre dos espagíricos, porque os químicos farão isso melhor do que você. Entenda que não havia essa separação absoluta entre o material e o espiritual, então os dois conhecimentos andaram juntos ao decorrer da história. Entenda também que haviam escritores voltados especificamente para a alquimia espiritual, enquanto outros à química.
  3. Estude a Cabala. Eu entendo que para alguns seja difícil dar atenção à Cabala Judaica com o surto conspiracionista chanístico sobre a índole de todo um povo, mas querendo ou não o judaísmo é o Pai da fé cristã, sendo Jesus judeu. Entenda que a árvore da vida é um estudo sobre Deus e suas emanações, e dela virá uma boa parte de seu conhecimento.
  4. Leia as coisas atuais sobre o assunto. Dê atenção aos escritores herméticos, principalmente.
Ocultismo é um saco, pelo menos se você for estudar seriamente. Você pode perder a vida se tiver um projeto ambicioso como se aproximar de Deus.
Você também pode pular algumas etapas no que te falei. Sobre a parte do pensamento grego, saiba que boa parte é "dispensável". Dito isso, recomento que entenda um pouco sobre o funcionamento do Cosmos de Ptolomeu. Entenda também alguns dos símbolos planetários, porque seu entendimento irá lhe ajudar no futuro.
Pra me namorar tambéme tem que gostar dos animes:
Akame ga Kill! Akarui Sekai Keikaku Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Criminale! Dog Style Domina no Do! Eden no Ori Yu-gi-oh
Sobre assistir Yu-gi-oh; quando eu era adolescente, gostava (na época que passou na TV Globinho e era moda), mas hoje em dia não gosto mais; então não assistiria de novo.
Quanto às minhas lembranças marcantes de Yu-gi-oh:
Em 2003, Yu-gi-oh era moda e todo mundo na escola da quinta e da sexta série jogava com cartinhas piratas, já o pessoal da sétima e da oitava não se interessava. A propósito, em 2003 tiveram duas grandes modas de brinquedos baseados em animes, cartinhas de Yu-gi-oh e Beyblade. Outro brinquedo que todo mundo da quinta e da sexta série levava pra escola em 2003 depois que passou a moda de Yu-gi-oh e começou a moda da Beyblade era a Beyblade.
Outra lembrança marcante que tenho de Yu-gi-oh é que em 2003 na escola o pessoal criava suas próprias cartinhas, fazendo desenhos e estatísticas.
Fujimura-kun Mates Gantz Gou-Dere Bishoujo Nagihara Sora♥ Higurashi no Naku Koro ni Kai: Matsuribayashi-hen Hitsugi no Chaika Ichigo 100% Ichinensei ni Nacchattara In Bura!: Bishoujo Kyuuketsuki no Hazukashii Himitsu Jigokuren: Love in the Hell Jinzou Shoujo JoJo no Kimyou na Bouken Part 4: Diamond wa Kudakenai JoJo no Kimyou na Bouken Part 5: Ougon no Kaze JoJo no Kimyou na Bouken Part 6: Stone Ocean JoJo no Kimyou na Bouken Part 7: Steel Ball Run Kaibutsu Oujo Lucky☆Star Mahou no Iroha! Mahou Tsukai Kurohime Monster Hunter Orage Mujaki no Rakuen Needless Zero Nyotai-ka Onihime VS Oretama Perowan!: Hayakushinasai! Goshujinsama♪ Re:Marina Rosario to Vampire Saitama Chainsaw Shoujo Sankarea School Rumble Shingetsutan Tsukihime Shocking Pink! Shurabara! Sora no Otoshimono Sora no Otoshimono Pico Akame ga Kill! Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Dorohedoro Nekopara Pet Toaru Kagaku no Railgun Magia Record: Mahou Shoujo Madoka☆Magica Gaiden Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita.Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita. Isekai Quartet 2Isekai Quartet 2 Ishuzoku Reviewers Somali to Mori no Kamisama Eizouken ni wa Te wo Dasu na!Eizouken ni wa Te wo Dasu na! Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu.Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu. Jibaku Shounen Hanako-kun Haikyuu!!: To the TopHaikyuu!!: To the Top Darwin's GameDarwin's Game Kyokou SuiriKyokou Suiri Plunderer
PRE REQUISITO: GOSTAR DE FILMES DE FAROESTE.
IMPORTANTE: Se você gosta de filmes de super heroi, pare de ler e va se foder.
Se você é assim, fique longe de mim.
NÃO QUERO AS MULHERES QUE: As que falam palavrões As que fumam As que usam drogas As que postam foto com bebida Que bebem (menos 🍷, isso é coisa de dama) As que vão para balada, festa, rave etc As que postam fotos com short curto, decote ou sensuais
Há uma coisa que eu quero que você entenda sobre nós os homens.
Quando você colocar uma foto sua nua no facebook, fazendo uma pose gostosa, mostrando os seios ou como vemos em várias fotos mostrando o bumbum ou deitada sedutoramente em sua cama, a única coisa que você faz é que as pessoas tenham desejo sexual por você, claro em A maioria dos casos por parte de homens.
Eu sei que você vai ficar tão emocionada com os 500 likes, 120 comentários e as inúmeras mensagens privadas! Você vai querer postar cada vez mais fotos para se sentir cada vez mais no topo.
Mas há algo importante que você precisa saber:
Na verdade nenhum desses caras que gostam, comentam ou enviam mensagens privadas te ama. Tudo o que eles querem é usá-la e depois atirá-la para o lixo, para ser honesto nenhum deles a levaria para sua casa para ser sua esposa, acredite em mim, você para eles não é mais que uma menina de programa em busca de popularidade barata No Facebook.
Os homens ricos os que tem o que você procura "dinheiro" ou os pobres admiram as mulheres que se vestem com decência e se respeitam. Uma vestimenta decente que não revela muito o seu corpo, leva-os a amar e a respeitar-te, isto a simples vista nos diz que és uma mulher virtuosa, alguém a quem se pode levar para casa para ser esposa e mãe.
Isto em muitos casos diz-lhes que você foi criada com princípios morais e lhes dá detalhes do seu bom histórico familiar.
Eles não se preocupam muito com a maquiagem excessiva, uma mulher digna de propor casamento sempre se distingue do monte, não importa como.
Valoriza seu corpo, lembre-se que para encontrar diamantes é preciso cavar, respeita, e um verdadeiro homem vai te respeitar de um modo ou de outro.
Mas você terá muito respeito: Mulher, não mostre seu corpo no facebook, você não sabe que tipo de pessoas, venha suas coisas, você é uma mulher bela, não precisa de fotos, nem mostrar tanto, você pode conquistar com sua simpatia, com seu educacióncon seu sonrrisa,
As que já ficaram com amigos seus, ou que ficam com mais de 3 em um único ano As que não trabalham ou estudam (ou que estão em um curso irrelevante de humanas) As que não sabem o básico de uma casa, como lavar, passar roupa, cozinhar, trocar fralda, etc As interesseiras As que estão pedindo presentes sempre As que já estão comprometidas As não gostam de crianças ou dizem que não querem ter filhos (pessoas que não querem ter filhos não são confiáveis) As que tem piercing de bufalo
submitted by NoiteAmorosa to DiretoDoZapZap [link] [comments]


2020.04.29 06:36 kamiteta minha melhor amiga disse nao :)

(eu acabei de ler um post falando de um cara que ta namorando a melhor amiga e isso me inspirou)
ta. eu entrei nesse colegio novo maneiro e bem acolhedor, e tinha bastante gente legal e ainda mais que eu entrei junto com o meu melhor amigo e isso foi mt sorte, mas sempre foi assim eu tive amigas tive namoradas mas nunca cheguei a tipo amar alguem igual eu amei minha melhor amiga. eu conheci ela por total acaso e a gente começou a ficar bem proximo e intimo a ponto de passarmos madrugadas conversando e flertando e falando de tudo e a gente ficava quase todos os dias. e ela teve uma fase que ela ficava falando uns bglh estranho de tipo. ai a gente daria um otimo casal, ficava mandando flerte de insta tipo a queria tar com a pessoa que eu gosto vendo tal filme e era um filme que a gente tinha combinado de ver junto. e dai um dia eu fiz uma cartinha de namoro tipo essas de colegial pq ela falou que sempre quis um e eu beijei ela e dei a cartinha que era tipo quer namorar comigo sim ou me beija e dei um dia pra ela responder e dai no final do dia ela me fala que precisava falar comigo. e nisso eu ja fiquei arrasado, chegando la eu fui do modo mais disfarçado possivel sorrindo e cumprimentando todo mundo mas minha vontade era so de sentar em posição fetal e botar o fone de ouvido ate o talo. mas nao dava e ela me veio com um papo que nao tava preparada pra namorar agr e eu so concordei e agr todos os meus dias eu penso nisso e so me da vontade de jogar tudo fora e nunca mais falar com ninguem..

mas enfim é isso valeu por lerem ate aq, é bom desabafar
submitted by kamiteta to desabafos [link] [comments]


2019.10.23 01:27 OneTickEat Eu só queria que você torcesse por mim

Há três anos atrás eu conheci essa menina incrível em uma das épocas mais difíceis da minha vida. Eu nunca fui tão próximo de alguém como fui dela, porque é aquele tipo de namoro em que as mentalidades batem e as conversas fluem. Ela era uma das meninas mais bonitas que eu já vi na vida, e ela achava o mesmo de mim.
Mesmo tendo um relacionamento à distância, tivemos momentos incríveis nos anos que ficamos juntos, e parecia que éramos feitos um para o outro. Eu sempre a ensaboava dos pés à cabeça quando tomávamos banho juntos, e passava escova no cabelo dela enquanto ela se estressava com os estudos. Ela me mimava com comidinhas quando eu viajava à cidade dela e me escondia no seu quarto para eu não precisar pagar hotel. Víamos filmes de madrugada tomando vinho e rindo de memes aleatórios na internet.
Mas, um dia acabamos de forma trágica e eu percebi que o final derradeiro de toda história de amor tinha chegado. Meses depois, ela tentou voltar atrás para se redimir e reatar o namoro, mas eu decidi que não daria mais outra chance. Porque ela (assim como qualquer outra pessoa) tem defeitos, e apesar de amá-la, namorar colocaria em risco os meus planos. Quero fazer doutorado no exterior e eu acredito que vou ser aceito em alguma faculdade. Isso não combina com namorar, ainda mais uma menina que não quer que eu vá para o exterior.
Eu queria que ela entendesse o quanto eu sou cheio de amor, carinho e respeito por ela. Mas que eu preciso ir para lugares mais difíceis para explorar meu potencial, para viver coisas novas e experimentar riscos. Eu sou assim, e minha vida é assim. Eu torço por ela em tudo que ela fizer e disse que sempre estaria aqui se ela precisasse de mim (e estive sempre que ela precisou). Eu só queria que ela torcesse pelo meu futuro, mas hoje ela me bloqueou e disse que queria me tirar da vida dela permanentemente.
No fim das contas eu acho que só existo pra ela se formos namorados.
submitted by OneTickEat to desabafos [link] [comments]


2019.09.15 19:11 YareYareDaze007 Minha "breve" história amorosa

Essa História que será aqui contada, nesse livro, é a jornada de um garoto chamado Giovane, um garoto quieto, de poucos amigos, porém muito estudioso, sempre tirava boas notas na escola. E é exatamente lá que nossa história começa.
No ano de 2017, nosso protagonista está sentado tranquilamente em sua mesa, na sala de aula, quando repentinamente ao olhar de relance para a porta, ele percebe alguém entrando, mais especificamente uma garota, uma linda garota, que instantaneamente desperta o encanto de Giovane. Vale lembrar que naquela época, ele era um garoto de 13 anos, sem nenhuma preocupação além de vídeo-games e estudos, mas tudo aquilo estava prestes a mudar. Naquele momento, ele havia descoberto o amor, que muitas vezes pode ser comparado à uma benção ou maldição. Ao ver a garota de nome desconhecido entrar, Giovane logo ficou surpreso com tamanha beleza, porém no momento não fez muita coisa. Apenas voltou aos estudos e tentou não pensar muito naquilo, porém era quase impossível, a cada conta que fazia, a cada texto que lia, a imagem da garota continuava a aparecer em sua cabeça. O que era muito ruim, considerando o fato de Giovane sempre dar muita importância aos estudos, aquilo estava o atrapalhando. Mas logo o nome da garota foi revelado: Sabrina. Giovane ouvira a professora dizer esse nome na chamada e viu a garota responder.
Não demorou muito para ele se dar conta do que havia acontecido. Ele sabia que estava sob o efeito da droga mais poderosa que existe: O Amor. E para o amor não existe cura, apenas o tempo, que foi justamente o que decidiu fazer: dar um tempo e ver o que acontecia. Giovane Não tinha ideia de como os eventos se desenrolariam dali em diante, não sabia o quanto sofreria pensando nela.
Passado algum tempo, cerca de 3 meses, e o amor de Giovane por Sabrina continuava aumentando, como uma fogueira que é atiçada pelo vento. No entanto, uma dúvida ainda pairava sobre sua cabeça: O sentimento era recíproco? Sabrina via Giovane com outros olhos? Ele não sabia, e isso estava o enlouquecendo.
Um mês depois do acontecimento anterior, ele havia pensado em uma maneira de acabar com suas dúvidas, era o único modo que nosso protagonista havia pensado: Falar à Sabrina sobre seus sentimentos. Porém, Giovane era um garoto extremamente tímido, o que deixava essa hipótese quase impossível. Ele tinha medo de contar o que sentia e não ser correspondido, ou ainda pior, ser ridicularizado pelas pessoas ao redor da escola. Chega o fim do ano e Giovane não havia conseguido se declarar. "Meu Deus, mas e se ela não estiver aqui o ano que vem? " Pensava.
2018, início do ano. E para sua surpresa, ele estava na mesma sala que Sabrina. Seria o destino dando uma segunda chance a ele? Talvez. E como dito anteriormente, seu amor não diminuía, apenas crescia dia após dia. Nosso protagonista tem 14 anos agora, muito mais maduro, certo? Errado! Ele continuava com uma ideologia de " deixar o rio fluir ", ou seja, não fazer nada e deixar que o destino cuidasse do resto. Claramente essa tática não deu certo. Porém, Giovane possuía um amigo chamado Marcos, cujo qual se dava muito bem com as mulheres. E fui justamente a ele que Giovane foi pedir ajuda. E acontece que Marcos era realmente bom no que fazia, e milagrosamente conseguiu fazer Sabrina se aproximar consideravelmente de nosso protagonista, que estava pensando sobre a vida e as decisões que havia tomado e aparentemente não interagindo com Sabrina, o que fez Marcos aparecer e talvez ter causado o maior arrependimento da vida de Giovane. Ou não? Marcos chegou conversando com ambos e acabou deliberadamente por falar que Giovane estava apaixonado por Sabrina, o que deixou nosso protagonista completamente paralisado, como se tivesse visto um fantasma, sem nada para dizer, como se tivesse visto a morte cara-a-cara. E Sabrina pareceu incrédula do fato, tanto que até se levantou da cadeira na qual estava sentada e estava se dirigindo a seu lugar, quando Marcos a parou e tentou argumentar com ela, mas nada parecia dar certo. Enquanto isso, nosso protagonista continua sentado imóvel na mesma posição que havia começado a conversa. Passados cerca de 3 minutos, Sabrina chega à mesa de Giovane e pergunta:-O que aconteceu?
-Nada. Diz Giovane
-Você está com cara de bravo. Foi alguma coisa que eu fiz?
-Não, não foi nada.
E Sabrina sai daquela mesa e volta para a dela.
A partir daquele dia, Giovane se tornou outra pessoa, alguém completamente novo. Ao invés do garoto alegre e piadista de sempre, ele havia se tornado alguém quase depressivo, não falava quase nada, passava horas parado pensando na vida, não fazia mais tantas piadas. Até o dia 10 de agosto de 2018, quando ele decide que não vale mais a pena sofrer tanto por conta de falta de coragem. Na escola, durante a aula de geografia a lição era fazer um mapa-múndi e foi o que nosso protagonista fez, porém Marcos tinha um plano para ambos ganharem nota apenas com o esforço de Giovane, que aceitou ajudar já que poderia precisar de algum favor de Marcos algum dia. E foi um plano, absurdamente bem bolado, executado com maestria e finalizado com êxito.
Na noite daquele mesmo dia, Giovane decide cobrar a ajuda que ofereceu à marcos. Mandou uma mensagem para ele e combinou que iriam executar um plano para que nosso guerreiro Giovane tivesse a coragem de se declarar à belíssima donzela Sabrina. Marcos a convenceria a segui-lo e passaria por um local combinado, onde Giovane apareceria e abriria seu coração para ela, acabando de uma vez por todas com isso, do jeito bom, que Giovane sairia com uma namorada e se livraria de sua tristeza ou do modo ruim, que era o que Giovane achava mais provável, onde ele seria completamente rejeitado e jogado à depressão para sempre, porém esquecendo de Sabrina. Nada poderia impedir esse plano de funcionar.
Exceto uma coisa: O esquecimento de Marcos que não conseguiu atrair Sabrina até o local combinado, o que fez com que Giovane saísse vagando pela escola envolto em seus pensamentos, e andando sem parar, para praticar pelo menos de alguma maneira, algum exercício, contudo ao fazer a volta na escola várias e várias vezes, no caminho Giovane se deparava com Sabrina andando com uma amiga e seu namorado, e durante algumas dessas vezes ele pôde ouvir claramente a amiga de Sabrina dizer: " quem quer catar a Sabrina? " Duas vezes na mesma hora em que ele estava passando e ainda ouviu mais uma última vez: " Ela está se doando ". Giovane estava começando a ligar os pontos, tudo começava a fazer sentido em sua cabeça. A vontade dele era alterar o curso de sua caminhada e abrir seu coração a ela, porém se fizesse isso, ele estaria desperdiçando um favor de Marcos, então Giovane Simplesmente continuou sua jornada de volta à sala de aula. Ele estava prestes a descobrir o significado de tudo que aconteceu.
No final daquele dia, Giovane decidiu perguntar à marcos se ele havia se esquecido. E de fato ele havia, no entanto se ofereceu para fazer o mesmo plano no dia seguinte. Giovane concordou.
Terça-feira, 14 de agosto de 2018, nosso protagonista vai para a escola apreensivo pensando em como vai ser, no que ele vai dizer..., mas durante a aula de história, nosso herói percebe que Sabrina estava muito impressionada com o professor novo. Estaria ela realmente afim do professor? Ou seria apenas uma brincadeira? Ele não sabia e isso o deixava apreensivo. Na próxima aula, a de matemática, a professora havia mudado Sabrina de lugar. E coincidentemente, o lugar que ela foi designada era bem perto do lugar de Giovane. Seria esse o destino colaborando mais uma vez para que tudo desse certo em sua vida?
No recreio, tudo estava combinado com Marcos. Só lhe restava sair da sala e seguir com o plano. Acontece que um amigo de nosso protagonista, conhecido pelo codinome Sem Mão, decidiu segui-lo e ver o que aconteceria e como acabaria. Giovane conta o plano à Sem Mão, que fica impressionado e diz que aquele plano era como fazer roleta russa com 5 balas. No entanto, Marcos demorou muito para fazer o plano e quando fez, não fez corretamente: Ele simplesmente disse para Sabrina que Giovane gostaria de conversar separadamente com ela, enquanto nosso protagonista apenas passava por ela e ia direto ao banheiro, pois estava muito tenso. Acaba o intervalo e Giovane se dirige à sala de aula. Na última aula, logo em seguida da de educação física, todos voltam para a sala e se preparam para a aula de matemática e provavelmente a coisa mais inesperada desse livro acontece: Ele pensando na vida como sempre, consegue ouvir Sabrina e Vinícius, um outro colega de sala, discutirem sobre voltar ao lugar anterior deles, e de repente ouve ela dizer que aquele lugar era bom porque ela conseguia ter uma boa vista de uma coisa. Instantaneamente nosso protagonista percebeu que essa "coisa" era nada mais nada menos que ele mesmo, até porque em certo momento dessa conversa ele pôde perceber Vinícius responder: Do G? Que foi logo respondido com uma resposta de Sabrina: Por que você não grita logo de uma vez?! Seguido disso, Vinícius em tom de brincadeira, aumenta levemente sua voz e repete a frase anterior. A teoria das cinco balas de Sem Mão acabara de ser refutada, pois com essas informações, suas chances aumentaram consideravelmente, deixando a arma com apenas uma bala. Estava muito claro para Giovane que Sabrina aparentemente gostava dele, mas não queria que isso fosse exposto. Passado certo tempo da aula, mais uma vez Sabrina diz que é um bom lugar e que ela consegue observar muito bem essa "coisa" e foi respondia por Vinícius: Mas do seu lugar anterior, você também consegue ver. E logo veio a resposta: Sim, mas daqui eu consigo ver mais de perto, logo esse lugar é melhor. Ele sabia que, ou se tratava dele ou de algum de seus amigos que sentavam perto, e estava bem convencido de que se tratava dele. Nesse momento, Giovane estava pulando de alegria por dentro, mas por fora só se via sua expressão mais comum: a de indiferença. Ninguém simplesmente olhando, poderia saber a felicidade que residia dentro de Giovane naquele instante. Ele foi para casa se sentindo renovado e feliz, só não voltou saltitando por motivos de masculinidade. O que aconteceria depois?
No dia seguinte, Giovane não foi para a escola. Ele havia ido ao médico, e como o sistema de saúde do Brasil não é dos melhores, não conseguiu voltar a tempo de ir para a escola. Ainda nesse dia, pela primeira vez ele decide tirar seu bigode e por incrível que pareça, se achou mais bonito e se sentiu deveras confiante em sua jornada. Por volta das 18 horas, conversa por mensagens com seu amigo Sem Mão e lhe conta sobre o que havia descoberto ouvindo aquela conversa, e para desanimar um pouco nosso herói, Sem Mão diz que o "G" mencionado na conversa, poderia ser de Gustavo, outro aluno da mesma sala, mas Giovane prefere acreditar que ela se referia a ele. Logo em seguida, começa a conversar com Marcos, que também fica ciente da situação e diz:
- Ela está brincando com você, cara...
- Não, estou tão confiante que apostaria cinco reais que ela não está brincando!
- Cinco reais? Apostado então! Mas para você ganhar, ela tem de deixar explícito que aceita você. Assim como para eu ganhar, ela deve deixar explícito que rejeita você.
- Claro.
Giovane não possuía cinco reais, nem sabia onde conseguir, mas estava confiante.
16 de agosto de 2018, nosso protagonista aparece na escola e diferentemente do último dia, não parecia tão tenso, parecia até mesmo confiante do que iria fazer. Logo Marcos apareceu:
- Está fechada a aposta de hoje?
- Com certeza!
- Você sabe que vai perder, né?
- Certamente que não, estou tão confiante que nem trouxe o dinheiro, como sinal de que sei que não vou falhar! – Cada frase que nosso protagonista falava, era dita com convicção.
- Se está tão confiante assim, suba a aposta para dez reais!
Giovane pensou por alguns segundos. Ele não tinha esse dinheiro em mãos, mas para mostrar confiança à Marcos e a si mesmo, subiu a aposta.
- Feito!
No instante que disse isso, o sorriso malicioso que habitava o rosto de Marcos fora substituído por uma expressão de espanto. Não podia acreditar que nosso herói estava tão confiante. Porém, durante toda essa conversa na aula, Marcos decide contar à professora de ciências sobre a aposta, e para a surpresa de ambos, ela havia achado uma aposta interessante.
15:30, havia chegado a hora do intervalo, a hora da verdade. Quando pôs o pé para fora da sala de aula, soube que duas coisas importantíssimas estavam em jogo: Seu futuro amoroso e dez reais, que podem não parecer muito, mas na época que o país estava... Ele achava que seria fácil, mas estava muito enganado, pois quando estava fazendo o reconhecimento do melhor lugar para a abordagem, pôde sentir sua perna fraquejar. Depois de dar algumas voltas na escola e consequentemente acabar encontrando com Sabrina no caminho, ele havia achado que estava pronto e quando foi procurar seu alvo em movimento, não o encontrou, no entanto, logo descobriu que ela estava sentada, com sua amiga já mencionada anteriormente. Não havia mais escapatória, teria de se declarar na próxima volta e podia sentir seu coração bater cada vez mais forte ao se aproximar do local. Infelizmente, ao chegar e estar preparado, se depara com mais 4 garotas conversando com Sabrina e sua amiga, o que fez nosso herói alterar o curso e ao invés de parar, acabou seguindo sua trajetória comum. Faria na próxima volta, não importava o que acontecesse, porém, ao chegar novamente e ver que só estavam ela e sua amiga sentadas, não conseguiu. Era como se uma força desconhecida o impedisse.
Bate o sinal para todos voltarem para suas salas de aula e nosso protagonista entra e percebe que teria uma aula vaga, e logo seu lamento em não ter conseguido se declarar, se tornou em forças para tentar agora que não haviam tantas pessoas lá fora. E mais uma vez não conseguiu, até que Sem Mão propõe um desafio: reproduzir um desenho de seu amigo Raul, um cara vidrado em desenhar, e Giovane aceita, pois ficar andando e se lamentando não era a melhor atividade. Chegando onde Raul estava, Sem Mão explica o desafio, porém, por algum motivo Raul pega uma folha e corta em duas, dando uma parte para Sem Mão e outra a si mesmo. Giovane não se importa. Na verdade, parecia não se importar com mais nada depois de ter fracassado em conversar com uma garota. Sem Mão reproduz um desenho de um homem com terno roxo e gravata que Raul havia feito. A única diferença, no entanto, foi que sua reprodução ficou parecendo o cruzamento de um desenho de uma criança sem talento com um feto malformado em um pote com formol. Após isso, aparentemente Sem Mão ficou tão entediado quanto nosso protagonista e decidiu voltar a andar, quando de repente veem Marcos e o namorado da amiga de Sabrina tentando tirar a namorada de Marcos e a amiga de Sabrina de um banco no qual estavam todas sentadas. Giovane pensou que poderia ser Marcos querendo ajudá-lo a conseguir, mas qual seria sua motivação além de perder dinheiro? E eles conseguiram tirar as garotas do banco, deixando Sabrina sozinha, que decidiu levantar e começar a andar, mas nosso herói não pensou em abordá-la, simplesmente não tinha a coragem para isso. E acontece que ele era um cara muito corajoso quando se tratavam de brigas e tudo mais (até enfrentou um bando de garotos que estavam o incomodando uma vez), mas quando se tratava de garotas, ele não sabia o que fazer. Depois disso voltou para a sala a tempo de acompanhar as duas últimas aulas de geografia. Contudo, no final da última aula, Marcos veio conversar com nosso herói:
- E aí cara, cadê meus dez reais?
- Eu não falei com ela, logo não tomei um fora, o que significa que eu ainda fico com meu dinheiro.
- Porra, cara. Qual a dificuldade? É só chegar lá e falar " eu estou afim de você, vamos ficar juntos? " E acabou.
- Se fosse tão fácil assim, eu já teria feito há um ano e oito meses atrás...
- Mas é fácil!
- Não para mim. Me falta coragem.
Então Marcos decide tomar uma abordagem mais agressiva.
- Olha lá a bunda dela como é grande! Você não quer ter isso?
Giovane continuava dizendo que não tinha coragem.
- Olha lá, o cara foi dar tchau para ela e passou a mão na bunda dela! E ela ainda deu risada! Você vai deixar o cara fazer isso com sua futura esposa?
O sangue de Giovane fervia, como se ele mesmo fosse explodir a qualquer momento, mas ele era um cara calmo e conseguiu se manter normalmente apenas dizendo " calma e tranquilidade " a si mesmo enquanto Marcos dizia:
- Se amanhã você não conseguir, você vai ter de dizer para todo mundo que você é um merda e eu sou superior!
- Okay, já me considero um merda normalmente...
Mas aquela conversa lhe deu forças para o que ele faria no dia seguinte.
Dia 17 de agosto de 2018, nosso herói está prestes a sair de casa, enquanto seu pai assistia tevê, e de relance, pôde ver a notícia mais bizarra que já havia visto em toda a sua vida: " Homem-Aranha do crime " que aparentemente era um ladrão que escalava prédios tão bem que recebeu esse nome.
Chegando na escola, pronto para fazer um trabalho de artes, acaba descobrindo que haveria outra aula vaga, já que sua professora tinha faltado, o que o deixou feliz e enraivecido. Quando já havia saído da sala e estava andando pela escola, começa a falar com Sem Mão desse livro que está sendo escrito agora mesmo.
- Vai ter muita coisa nesse livro!
- Essa conversa também?
- Provavelmente, já que eu vou colocar qualquer coisa que pareça insignificante o suficiente no lugar de alguma informação que seria crucial, ou seja, essa conversa vai direto para ele.
- Bem, isso não seria meio que...
- Um Inseption muito foda!
- Eu ia dizer quebra da quarta parede, mas Inseption também está valendo.
- Não é bem uma quebra da quarta parede. Eu só estaria fazendo isso se eu dissesse: " Ei, você aí que está lendo esse livro, como é que você está? "
- É, realmente...
Ao andar, se deparava algumas vezes com Sabrina andando com Marcos e outra pessoa não apresentada anteriormente: Kauã. Em algum momento, Marcos tentou parar Giovane o empurrando e lembrando que ele tinha de concluir sua tarefa naquele dia, ou então seria um fracassado.
- Você tem até hoje para conseguir.
- Veja bem, meu amigo, até a meia-noite ainda é hoje.
E essa foi uma sacada bem esperta, tenho que admitir. Enfim, nosso protagonista continuou andando um pouco até que...
- Giovane! Chega aqui! – Disse Marcos aos berros sentado em um local perto de uma árvore.
- Porra... – Disse Giovane.
E foi andando até chegar a ele.
- Que foi, cara? – Perguntou em tom de desânimo.
Eu preciso que você tire uma foto.
" Uma foto? " Pensou Giovane, achando que poderia ter um esquema armado por Marcos.
- Ok, vamos lá!
E foram caminhando em direção à uma outra parte da escola. Quando chegaram, nosso herói se pôs em posição e segurando o celular de Marcos, estava pronto para fotografar. Enquanto olhava para a tela do celular, podia ver Sabrina e sua beleza, ao mesmo tempo que pensava " Caralho, eu sou um merda meu irmão! " E tirou a foto. No entanto, o que não sabia, é que quando já ia se retirando do local, Marcos o chamou e disse:
- Não, cara. A gente só quer que pegue essa parte da parede.
- Ah, ok.
E novamente estava em posição observando Sabrina pela câmera, e logo tirou outra foto. E dessa vez, conseguiu voltar à sua rota sem ser chamado mais uma vez. Andava e andava, sem rumo, sem destino, sem coragem, quando com sua super audição pôde ouvir Sabrina discutindo com Marcos, atrás dele.
Ouvindo isso, ela decide desafiar Marcos para uma briga, e ele logo se acovarda. Como Giovane, ele não tinha coragem. Quanta hipocrisia, não é mesmo, caro leitor? No entanto, ele logo teve uma ideia.
- Vai lá e usa essa raiva no Giovane!
E Giovane continuava andando na frente apenas ouvindo essa conversa, quando foi chamado.
- Giovane! Chega aqui!
E lá ele foi conversar com ele.
- O que foi dessa vez?
- A Sabrina quer te dar um soco.
Mas ela não queria.
- Não, eu não vou! – Disse ela.
- Por que não? – Perguntou Marcos
- Porque eu estou com raiva de você, não dele!
Mas depois dessa breve conversa, Giovane notou um olhar de Sabrina dirigido ao nosso herói. Sabrina realmente teria olhado para ele da forma que imaginava? Ou só estava ficando louco? Descobriria tudo isso em breve...
Dia 18 de agosto de 2018, sábado, por volta das 22:30 da noite Giovane é contatado por Marcos com uma mensagem:
- E aí, cara?
- Opa.
- Tudo beleza, cara?
- Tudo de boa.
- Então, cara... eu acho que você perdeu a aposta.
- Não, pois a aposta não tinha prazo. A única coisa que tinha prazo era eu dizer que sou um merda e a sexta já passou, então você foi enganado...
- Aí é que está, meu amigo quem está se enganando é você mesmo. O único que está sofrendo por amor é você.
- Sim, mas ainda assim, a cada dia minha coragem vai aumentando...
- Não se iluda meu pobre amigo. Esse seu coração não merece sofrer!
- Eu estou apenas contando os fatos.
- Não ame aquela garota, ela não merece você.
- Se fosse tão fácil assim... E você não vai me fazer desistir, porque sou brasileiro e brasileiro não desiste nunca!
- Entendo, apenas não quero que sofra por algo que não tem futuro.
- Eu já sofri para caralho, eu tentar isso não vai aumentar a dor que eu sinto por não estar ao lado dela.
- Você realmente quer isso, não quer?
- Sim, porra!
- Para que você possa ver que eu não estou mentindo. Eu nunca disse isso para você, porém... eu realmente não tenho nada para fazer.
- Etcha porra!
- Sim, essa foi a única palavra que você nunca me ouviu dizer.
- E qual seria? – Perguntou Giovane apenas para ver Marcos admitindo que estava tão perdido quanto ele.
- Eu não sei o que fazer.
- Ca ra lhou.
- Por conta dela, não tem muito o que fazer.
- Isso mostra que é um caso absurdamente difícil.
- Sim, porém não impossível.
- Até porque nada é impossível, exceto o Palmeiras ganhar um Mundial. Isso é impossível.
- Kkk verdade. Como eu já vi que você não vai desistir da Sabrina...
- Certamente que não.
- Eu vou pelo menos tentar ajudar.
- Que bondoso.
- Porém, como nada na vida é perfeito, eu vou usar minhas técnicas...
- Caralho. Tenho trauma dessas técnicas.
- Pode apostar! Até porque, eu aprimorei elas...
- Acho bom mesmo, kkk
- Porém não foi para um lado bom! Foi para um lado mais extremo.
- Puta merda.
- Eu já pensei no que vou fazer. Funciona muito em filmes e novelas.
- Diga-me.
- Vou trancar vocês dois, em algum lugar sozinho.
- Caralho. – Giovane já sabia que aquele plano não iria funcionar, porém decidiu ouvir até o fim.
- Vai ser perfeito. Você vai ver, aí é por sua conta. Na verdade, a parte mais difícil sempre vai ser para você.
- Eu estou com um certo medo do que pode acontecer.
- Ela pode falar tudo que sente por você, ou ela pode ficar de fato com você.
- Ou pode não acontecer nada.
Depois de um tempo de conversa Marcos se convenceu de que seu plano não era dos melhores. Até que disse:
- Eu te ajudo e você me ajuda. Eu te ensino o que sei, e você o que sabe...
- O que exatamente você precisa?
- Eu quero saber como você pensa tanto e quero saber como você é tão concentrado, etc....
- Caralho, sério?
- Sim.
- Ok, aqui vai. Não tem segredo: Você só tem que pensar que sua vida dependesse daquilo. Mas, o lance de ser pensativo, acho que é porque eu não tenho muito o que fazer, apenas pensar.
- Ótimo!
- Espero ter ajudado.
- Ajudou sim, muito obrigado. Agora o que você precisa?
- Fora o lance da Sabrina, nada.
- A melhor opção seria chegar nela em alguma hora em que ela estivesse sozinha ou falar que é uma conversa em particular.
- Sim, o lance é que eu preciso de coragem.
- Quer saber, você transmite confiança. Algo que eu queria muito transmitir.
- Só reprimir suas emoções e mostrar nos momentos mais cruciais.
- Como assim?
- Você nunca sabe se eu estou feliz ou triste, certo?
- Certo.
- Mas as minhas emoções mudam. Tudo que eu faço é mostrar o que eu quero que os outros vejam: A minha cara de indiferença de sempre.
- Porra.
- É basicamente só isso.
- Valeu, cara.
- Você me ajuda muito, estou retribuindo.
- Muito obrigado. Mesmo, cara.
- Não há de quê.
Dia 19 de agosto de 2018, Marcos envia uma mensagem por volta das 21:00 para Giovane:
- Cara, estamos na mesma situação. Eu me apaixonei e ela não dá bola para mim. Fudeu, eu me apaixonei. Isso não é natural no universo.
- Vamos conversar.
- Fudeu.
- Você se fodeu.
- Sim, Fudeu. Eu me apaixonei e isso não é normal da porra da natureza! Eu sou Marcos Ribeiro, não posso me apaixonar!
- Agora sente o que eu sinto há quase dois anos. Não é fácil quando é com você, né?
- Literalmente não. Mano, ela é maravilhosa e não me dá bola. Nem com meus truques e experiência não consigo.
- Você sabe que se eu conseguir ficar com a Sabrina e você não pegar essa mina, o mundo deu uma puta volta.
- Sim.
- Algo de errado não está certo.
- Nem um pouco. Mas, mano ela é perfeita! Pensa na Sabrina e multiplica por 20.
- Impossível!
- Juro.
- Para mim não existe nenhuma garota na face da terra que se compare à beleza da Sabrina. Acho que o amor faz isso...
- Mano, Fudeu. Eu me apaixonei. Pera aí...
- Eu poderia ser muito cuzão e não ajudar, mas você tentou me ajudar, então farei o que puder.
- Pronto. Não sou mais apaixonado.
O amor não é brincadeira de criança, é coisa séria e não se livra do amor tão rapidamente. E Giovane sabia disso, então ou Marcos não estava apaixonado desde o início, ou ainda estava apaixonado ou talvez estivesse inventando tudo aquilo.
- Ata kkk.
- Sério, passou. Eu me controlei.
- O amor vai e vem como uma montanha-russa.
- Não. Não comigo.
E foi então que nosso herói se preparou para fazer um dos melhores discursos de todos os tempos.
- Você pode ter esquecido agora, mas vai pensar nela de novo. E aí fodeu. Mas, se tem uma coisa que eu aprendi é que você tem que insistir...
- Não. Foda-se.
- ... até não ter mais forças. Você não vai esquece-la, apenas aceite o destino. Se você não tentar, alguém vai e você vai ficar muito arrependido. Então você não vai desistir, porra! Logo você, o cara que me incentivou a correr atrás da Sabrina, não pode simplesmente desistir. Essa pode ser a mulher da sua vida, então você teria que ser muito burro para deixar de tentar. E é por isso que você vai correr atrás dela.
Esse foi um puta discurso. Foi tão bom que parece que foi redirecionado a si mesmo e deu forças para ele fazer o que faria amanhã.
Dia 20 de agosto de 2018. O que nosso herói fez? Nada! Até tentaria falar com Sabrina, mas o problema é que não a via. Ficou todo depressivo por passar mais um dia sem conseguir e foi para casa. Chegando lá, sente uma certa fome e decide fazer uma omelete. Uma coisa que deve ser dita anteriormente, é que independente de quanta pimenta do reino colocasse, não conseguia sentir a picância que deveria. Fazendo a omelete, coloca pimenta do reino e seus dedos ficam sujos. Logo vem seu pai, com uma má intenção.
- Lambe a pimenta aí para você ver que não arde quase nada.
Giovane confiava em seu pai então provou e por um segundo pensou " nossa, não arde mesmo ", mas estava muito enganado e arrependido, pois depois de dizer isso, pôde sentir sua língua queimando como carvão em brasas, então pensou " vou tomar um copo de leite e estará tudo resolvido ", acontece que no momento a caixa de leite que estava na geladeira, havia acabado e Giovane teve que esperar cerca de trinta segundos de pura dor e sofrimento até conseguir abrir outra caixa de leite.
Esse pequeno conto não interfere em nada nossa história, mas achei que deveria ser compartilhado.
Quinta-feira, 23 de agosto de 2018. Nosso herói já está na escola durante a terceira aula, esperando o sinal para o intervalo. Ao ouvi-lo, Giovane, como sempre, começa a andar em voltas, porém, mais uma vez se depara com Sabrina, mas dessa vez ela não está andando, e sim parada com algumas garotas, o que eliminava completamente a possibilidade de tentar fazer seu plano, então apenas segue seu caminho. Voltando para a sala, ele não sabia, mas sua vida que já era depressiva, estava prestes a ficar pelo menos três vezes pior, por um tempo. Ao entrar e sentar em sua cadeira, pôde ouvir Yasmin, sua prima, dizer claramente que era um cupido, logo em seguida Sabrina conversa com alguém que ele não conseguira identificar, mas ouve a seguinte frase durante a conversa " Eu virei e dei um beijo na mina ". Naquele momento, não sabia o que fazer. Seus olhos começaram a lacrimejar como se estivesse cortando um milhão de cebolas enquanto um anão tailandês chicoteava suas costas. Sentiu que todo o sentido de sua vida havia acabado, sentiu-se como se o chão que estava aos seus pés havia desabado. Para esconder sua tristeza de todos e de si mesmo, Giovane adotou um comportamento bem agressivo, mas enquanto conversava com Marcos ouviu-o dizer:
- Vamos fazer uma aposta amanhã. Tipo os gringos jogam pôquer e apostam salgadinho essas coisas, já a gente que é fudido aposta bala. A gente poderia, sei lá, jogar algum jogo de azar tipo pôquer, truco...
- Eu toparia um truco. – Disse nosso protagonista.
- Ok, então amanhã todo mundo traz bala para apostar e a gente joga um truco.
Chegando em casa, de noite, Giovane decide contar a seus amigos sobre o motivo de ter ficado tão furioso a partir do intervalo, exceto por uma parte que ele não conseguia parar de rir como se fosse um retardado " Bebidas Xabás ". E ao contar para Semeão, ele recebe um discurso motivacional quase tão bom quanto o que havia feito para Marcos.
- Giovane, sabe o que você precisa?
- O que?
- TVNC
- Wtf?
- Tomar vergonha na cara.
- Porra, semeon.
- Criar coragem e ir.
- Sim. Só preciso do meu bigode, ele me transmite segurança.
- Não deixe que coloquem o dedo na sua cara e digam quem você é!
- Minha autoestima começou a subir...
- Virou mó conversa motivacionap. Maldito correto. R.
- Maldito analfabetismo!
- Cara, você é o cara!
- É bizarro que eu nunca pensei que não conseguiria por falta de coragem, mas sim por rejeição.
- Você vai conseguir. Se tiver a lábia mais do que perfeita, você é imbatível!
- Sim, eu só preciso chegar nela.
- E puxar um bom papo.
- Com puxar um papo, você deve saber que eu vou chegar fazendo a proposta.
- Hum, é mesmo?
- Se a porra do Marcos tivesse seguido o plano...
- Então quando você chegar nela, já sabe...
- Agora tenho que ir.
- Vou recobrar o favor do Marcos, mas falous.
- O Kauã está mandando eu jogar com ele.
- Olha só, escravatura, mas falous.
Naquele mesmo dia, ele cobrou o favor e Marcos concordou em ajudar.
Dia 24 de agosto de 2018, na escola durante a primeira aula que deveria ser de artes, mais uma vez é uma aula vaga. Ao andar com Sem Mão e Raul, como sempre nosso herói se depara com Sabrina sentada com algumas amigas. Dando algumas voltas, durante uma delas, ao passar pelo grupo de garotas, nosso protagonista consegue ver claramente Sabrina olhar diretamente para ele por cerca de três segundos. E não era qualquer olhar, era um olhar tão certeiro que não havia a possibilidade de ela estar olhando para algum outro lugar. Esse fator somado às informações que Giovane havia conseguido ouvir ao longo do tempo, lhe dava uma chance de 99% de Sabrina estar afim dele.
Feliz para cacete, depois que a aula vaga acaba, volta para a sala e vai fazendo as lições até chegar a última aula de geografia. Todos haviam se lembrado do que Marcos havia combinado sobre o truco. Mas ninguém trouxe um baralho.
Depois de tudo isso, com sua confiança, nosso herói faz uma das coisas que mais se arrependeria em sua vida, ele decide aumentar a aposta que havia feito com Marcos para 20 reais. Se ele conseguisse, seria ótimo ganhar esse dinheiro, mas Giovane não pensou no caso de não ganhar a aposta, pois estava cego pela ganância do dinheiro fácil. Marcos aceita a proposta e dessa vez foi mais esperto por ter colocado um prazo de dois dias na aposta.
Durante alguns dias, nada de tão importante acontece que deva ser mencionado nesse livro. Isso até o dia 30 de agosto de 2018...
Giovane decide que pediria Sabrina em namoro durante o recreio, mas para isso precisaria da ajuda de Marcos, que concordou em ajudar depois de certas negociações.
É chegado o intervalo e a tensão estava subindo, até porque agora além de Sabrina, 20 reais estavam em jogo, e nosso herói não tinha nem perto disso...
Giovane anda durante o recreio procurando Marcos e acaba o encontrando.
- Então, cara... agora seria uma ótima hora para aquela ajuda...- Disse nosso protagonista.
- Ah, sim claro, claro... A gente só precisa encontrar a Sabrina...
E lá se vão Marcos, Giovane e Thiago (Não o Sem Mão) procurando a garota. Até que Marcos tem uma genial ideia (sem sarcasmo).
- Giovane, faz o seguinte: fica ali na árvore que eu vou ver se eu encontro ela e chamo-a aqui.
Nosso herói concordou com a cabeça e foi se dirigindo à árvore. Chegando lá, não parava de pensar o que iria dizer, até que de relance, consegue ver Marcos caminhando com Sabrina em sua direção. Eles haviam chegado.
- Então, o Giovane tem um negócio para te falar...
"É agora", pensava Giovane. Não havia mais escapatória.
- É então, é sobre o lance que eu ia falar ontem... Sabrina eu sou absurdamente afim de você, e você sabe disso, então... quer namorar comigo?
- Então... no momento eu não estou disponível..., mas se quiser a amizade, estamos aí.
Ele se sentia arrasado, detonado, zuado, fudido, quebrado.
Aquelas palavras ecoaram na cabeça de Giovane, que agradeceu a Sabrina por ter cedido seu tempo e foi embora andando. Por incrível que pareça, ele se sentia libertado. Triste, porém, libertado.
E nossa história termina aqui com um final não tão feliz(ou será que não?).
E com essa finalização, eu agradeço por ter tirado um tempo do seu dia para ler isso.
submitted by YareYareDaze007 to EscritoresBrasil [link] [comments]


2019.07.11 03:38 m3dus4_asi isso é muito peso para mim

faz mais ou menos 1 mês e 11 dias que comecei a namorar e eu me sinto muito bem a maior parte das vezes. O problema é que ele mora em um lugar de facil acesso para as pessoas, então ele está sempre com alguem(amigos e amigas). ele sempre tem algo para fazer, nunca fica no tédio, diferente de mim que moro em um lical isolado e saio poucas vezes. ele me faz muito bem, juro, um cara incrível, inteligente e carinhoso. o problema maior é ele não perceber oq me encomoda nos atos dele, sempre ficando irritado com algo e me fazendo ir atras dele, as vezes se irritando pq eu fico atrás dele. nao passamos muito tempo juntos por causa dos meus pais que nao me dao muita liberdade, e ent a saudade bate e eu fico deprimida. deprimida de saber que ele esta la se divertindo por enquanto que eu estou em casa deitada. é mais frustração, medo e insegurança. confio nele, mas não confio nas pessoas. ele é um cara atraente, nao bonito, mas muito inteligente, e incrível. essa semana é de provas na escola e eu so to sabendo estudar, queria um tempo a mais alem das 1 horinha dps da escola, ver série, filmes, dormir juntos, mas nao possoooooo. tenho que me contentar com isso. oq eu tenho mais medo é de perder ele, muito medo. ainda mais por ele ter amigas bem mais inteligentes e maduras em volta dele. garotas que tem bem mais a ver com ele
submitted by m3dus4_asi to desabafos [link] [comments]


2019.04.03 21:25 calabresachesus Estou num limbo emocional, por mais que a vida esteja boa. Pelamorrr, ajuda!

Olá meus queridos redditors, tudo bem?
Conta throwaway.
Eu estou em uma sinuca de bico que não consigo explicar, entender, e muito menos tomar uma ação. Como não converso sobre isso com ninguém, e em mim já não tá cabendo mais, sucumbo a sabedoria dos meus colegas de websiters.
Um breve background: fui um adolescente obeso que sofria de quase todos os problemas que jovens excluídos sofrem. Aos 18-19 passei por uma reviravolta que me colocou numa posição muito boa psicologicamente e fisicamente.
Estou com 23 anos, prestes a me formar, encaminhado com relação ao que preciso para viver uma vida digna. Sou um tanto quanto inteligente, mas em se tratando nessas relações íntimas.....
No primeiro ano de faculdade conheci uma guria maravilhosa e, após uns meses, começamos a namorar. Eu amo muito ela. Ela me fez focar mais nas coisas boas e importantes, fazendo com que me tornasse uma pessoa muito mais madura.
(importante salientar - ela mora duas cidades ao lado, nos vemos todos os dias a noite na aula, e aos fds totalmente)
Ocorre que, o quanto ela está para água, eu estou para o vinho. O que tenho de querer aprontar, ela tem de recatada. O que tenho de desinibido, ela tem de vergonha.
A criação pela mãe dela foi bem mais..... restrita, culminando à essa personalidade.
Claro que nem tudo é oposto assim, adoramos passar tempo jogando juntos, saindo pra caçar pokémon, ou andar de patins. Assistir filmes, e etc.
Não sei se por passar praticamente todos meus finais de semana com ela, comecei a descontar o que não "aprontava mais" aos fds durante a semana, e desenvolvi um certo grau de alcoolismo, que me levou a diversas autossabotagens, incluindo a porra da infidelidade.
Eu a amo, mas nossas personalidades diferem tanto, e, quando temos um conflito entre elas, a minha é a que sempre cede. Pô, deixei de fazer tatuagem por ela não ter gostado do desenho.
O "apoio" em relação a minha personalidade acabou sendo oferecido por uma colega de trabalho, com a qual acabei me relacionando, para piorar tudo.
O que me aperta o peito, quase 24/7, e está me tirando o foco de quase tudo, é: (a) a culpa por tê-la traído, ela não merece isso jamais, é um anjo, literalmente. (b) sofro em detrimento desse alcoolismo degenerado que criei, me fez tomar inúmeras decisões dignas de um esporro. (c) eu a amo, nos amo, mas não amo o quanto eu deixo de ser eu para poder manter o nós conforme deve ser. (d) o fato de ter me tornado atraente me fez receber muita atenção num sentido no qual nunca recebi, me tentando um bocado, e isso me faz sentir como se estivesse perdendo algo que nunca tive.
Então, eu não sei, novamente, o que quero.
Tento racionalizar essas coisas, mas não tá dando colegas. Tá foda abigos. Alguém já passou por isso? Um limbo emocional onde nenhuma opção é boa, mas nenhuma é ruim. Eu estou simplesmente existindo dia após dia, me anestesiando a noite, sozinho em casa.
Qualquer tipo de palavra é bem vinda aqui. Mas, sei lá, sem julgamentos morais, sei que não me encaixo no perfil de quem seja merecedor de algo, mas tô procurando o caminho.
Abraços, obrigado a quem teve os culhões de ler esse xororô todo, ainda mais de comentar algo.
submitted by calabresachesus to desabafos [link] [comments]


2018.12.23 21:30 cafealmocojantar Por que nesses apps de encontro gay o nível socioeconômico é tão mais baixo que o meu?

Caros,
Moro num bairro famoso de padrão elevado e nome reconhecido por todo o país. E como de hábito, também é cercado por bairros mais humildes e até de favelas. Me cansei há muito tempo de pegação e queria encontrar alguém especial para me tirar desses aplicativos (Grindr, Scruff e Hornet). Esse é o meu único meio de fazer amigos gays e de encontrar alguém para um relacionamento pois no meu meio social offline, conheço nenhum LGBTQ.
O que me chama a atenção é que quase todos (beirando 99% mesmo) os rapazes que eu abordo nesses apps ou que me abordam são de nível socioeconômico bem abaixo do meu. Sempre vieram de escola pública, algumas vezes incompleta. Trabalham fazendo faxina, frentista, entregador de pizza, motorista e funções similares. Isso para mim não é um problema. Me relacionei com um por meses a fio que vivia na favela e entrava lá para passar finais de semana com ele, convivendo com vizinhos, churrasquinho de espeto na rua, moto dando corta giro e funk. Sem problemas.
O que se torna problema é que esses relacionamentos sempre me geraram atrito, ora pelo dinheiro (ficam muito constrangidos se pago algo que começam a recusar) ou pela falta de assunto mesmo. Pela falta de acesso/oportunidade, essas pessoas realmente sabem... nada.
O último com quem eu saía não sabia que São Paulo era uma cidade contida num estado chamado também São Paulo. Levei 2 semanas mostrando mapas, tentando explicar e ele não entendia o conceito de duas coisas diferentes terem o mesmo nome. Outro com quem cheguei a namorar não sabia dividir números por 10 e me tentei por duas semanas ensiná-lo e não consegui. Não sabem usar talheres, comem de boca aberta, têm medo de elevador e escada rolante enfim, não conseguem ver filme com legenda... vivemos em mundo muito apartados.
Rapidamente a companhia destas pessoas se esgota pois não têm o que conversar comigo e apesar da minha vontade de ensinar, são muito resistentes em aprender. Se sentem ofendidas, como eu estivesse sub-valorizando a cultura delas ou tentando mudá-las apenas para me servir (e não para que sejam pessoas melhores para elas mesmas).
Por que esse fenômeno acontece? Onde encontro gays que vieram de escola particular, falam inglês, têm autonomia financeira? Estou quase convicto que não conseguirei tirar um relacionamento duradouro de alguém com uma lacuna social tão grande comigo.
Agradeço antecipadamente pela atenção.
submitted by cafealmocojantar to arco_iris [link] [comments]


2018.11.13 23:37 SteinsEater Me sinto tão triste às vezes

Sempre criei muita expectativa em relação às coisas, seja um novo filme, música, anime, mangá etc. Sinto que isso me prejudica muito, pois, na maioria das vezes, essas expectativas são quebradas, me deixando triste, desanimado e desamparado. Recentemente, aconteceu uma das piores quebras de expectativa que já tive.

Uma menina da qual gosto há muito tempo começou a namorar. Isso me deixou fodido por um longo período de tempo — até hoje, na verdade. Sempre que eu vejo ela e seu namorado, seja no Instagram, seja no Facebook etc, me sinto muito mal; é horrível ver a pessoa que você gosta com outra pessoa — pelo menos é para mim. No entanto, ela parou de postar coisas sobre os dois recentemente, o que eu achei muito estranho. Criei expectativa, pensando que os dois tinham terminado o namoro, o que me daria alguma chance, mesmo que fosse mínima. No entanto, ela postou uma foto hoje, e seu namorado comentou. Pelo comentário, vi que os dois continuam namorando. Resumindo: criei expectativa e a quebrei, então, me sinto muito triste.

Essas coisas me deixam muito triste. Não sei mais o que fazer... Sempre que crio alguma esperança, algo acontece e minhas expectativas são quebradas; viram farelo, pó. Se tem uma coisa que eu recomendo para vocês, é que é péssimo criar expectativas; quando você cria uma, a chance de quebrá-la é enorme. Penso que talvez seja melhor esperar o pior nas coisas, pois, assim, o que vier é lucro, já que você não esperou nada a priori.


submitted by SteinsEater to brasil [link] [comments]


MC Kekel - Namorar Pra Quê? (KondZilla) - YouTube ALGUÉM LÁ EM CIMA GOSTA DE MIM-1977 A Profecia Celestina - Filme completo dublado em português ... AMOR EM OBRAS (2019) Trailer LEG do filme Netflix com ... Splendor - Um Amor em Duas Vidas - Filme Completo e ... La Bamba - Filme completo em portugues - YouTube Amor Além da Vida – Filme completo em portugues - YouTube Supergirl 2x17 -Mon-El e Kara em uma briga amigável-Dublado EL GATO PEDE LA_TAMI EM NAMORO E ELA ACEITA, NOVO CASAL GATAMI DO FREE FIRE? MELHORES CLIPES

18 motivos para você não estar com lá muita pressa para ...

  1. MC Kekel - Namorar Pra Quê? (KondZilla) - YouTube
  2. ALGUÉM LÁ EM CIMA GOSTA DE MIM-1977
  3. A Profecia Celestina - Filme completo dublado em português ...
  4. AMOR EM OBRAS (2019) Trailer LEG do filme Netflix com ...
  5. Splendor - Um Amor em Duas Vidas - Filme Completo e ...
  6. La Bamba - Filme completo em portugues - YouTube
  7. Amor Além da Vida – Filme completo em portugues - YouTube
  8. Supergirl 2x17 -Mon-El e Kara em uma briga amigável-Dublado
  9. EL GATO PEDE LA_TAMI EM NAMORO E ELA ACEITA, NOVO CASAL GATAMI DO FREE FIRE? MELHORES CLIPES
  10. Perdidos em LA - YouTube

Confira o trailer oficial legendado de Amor em Obras a estreia do atore Christina Milian! Deixe a sua opinião nos comentários abaixo. Quer ficar informado so... A Profecia Celestina - Filme completo dublado em português ¹Like☺ ²Favorito☻ ³Compartilhar ♥ A Profecia Celestina - Filme completo dublado em português ... alguÉm lÁ em cima gosta de mim-1977 um assistente de gerente de um mercado É abordado por deus, na forma de um velho, e lhe informa que ele foi escolhido para espalhar sua palavra pelo mundo. Inscreva-se no NOVO CANAL da KondZilla http://bit.ly/CanalPortalKondZilla Escute a playlist do KondZilla no Spotify: https://ONErpm.lnk.to/KondZilla Acompanh... Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. John leva Supergirl para DOE para tirar Kryptonita do corpo - DUBLADO (PT-BR) HD Supergirl 4x03 - Duration: 1:23. Supergirl cenas 200,406 views Sneakers, streetwear e muito mais. Sempre com muito bom humor, e leveza. el gato fica impressionado com jogada de la tami em campeonato - duration: 10:07. clipa ai 575,366 views. 10:07. reaÇÃo da aline ao pegar 7 cubos mÁgicos, record mundial!!? Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube.